24 de Julho de 2010 / às 18:21 / em 7 anos

McLaren quer superar Ferrari como marca número 1 da categoria

Por Alan Baldwin

HOCKENHEIM, Alemanha (Reuters) - A McLaren deseja superar a glamurosa Ferrari no quesito marca líder da Fórmula 1 nos próximos 20 anos, afirmou Martin Whitmarsh, chefe da escuderia.

O britânico de 52 anos, que assumiu o posto de Ron Dennis na temporada passada, disse aos repórteres no GP da Alemanha que o que parecia ser uma fantasia pode se tornar realidade durante sua vida.

A McLaren, sugeriu ele, estava montando uma onda de apoio comandada pelos pilotos ingleses Lewis Hamilton e Jenson Button, os últimos dois campeões mundiais que estão na primeira e segunda colocações, respectivamente, na tabela geral.

“A maior marca da Fórmula 1 hoje é a Ferrari, eu reconheço e aceito isto”. declarou Whitmarsh aos repórteres no ‘Centro de Marca’ da McLaren, uma imponente estrutura com a frente toda de vidro colocada no ‘paddock’ em Hockenheim.

“A McLaren, acredito, é a segunda maior marca da Fórmula 1, com uma margem razoável de quem quer que seja a terceira.”

“Eles (Ferrari) tem 60 anos de herança, muitos campeonatos mundiais. Em vez de ficar com inveja ou fingir que não é assim, é melhor dizer que eles são fantásticos, que conquistaram muita coisa, mas nós queremos superá-los um dia”, continuou ele.

“Pode até não acontecer durante minha carreira, mas em dez, 20 anos, por que nós não podemos ser a maior marca?”

“Vinte anos atrás, poderia ser ridículo falar isto, não acho que soe tão ridículo agora e espero que em dez anos seja mais real e que em 20 anos tenhamos conseguido isto.”

GRANDE MUDANÇA

Whitmarsh disse que notou uma mudança no GP da Inglaterra, neste mês, quando ele dirigia para o circuito e teve de esperar que uma longa fila de torcedores cruzasse a rua.

Mais da metade estava vestindo peça da marca McLaren, enquanto mal se via bonés e camisetas da Ferrari.

Inegavelmente, isso tem muito a ver com Hamilton e Button competindo em casa.

As duas corridas na Espanha, lar do ferrarista Fernando Alonso, tinha muito mais demonstrações da marca italiana, assim como em Abu Dhabi, última corrida do ano, com o parque temático da Ferrari por perto.

Entretanto, Whitmarsh disse que seu time, que teve campeões como Ayrton Senna e James Hunt, agora estava mais popular do que nunca.

“Eu nunca vivi, em cerca de 22 anos neste time, o sentimento de apoio que estamos tendo agora” afirmou ele.

“Tenho de dizer que em grande parte isso se deve aos pilotos, por sua performance dentro do carro, mas também por seu desempenho fora do carro. Os dois têm personalidades agradáveis, são seres humanos honestos que eu acredito que as pessoas podem se relacionar e existe essa tremenda sensação.”

“Houve tempos em que estávamos nos saindo bem, vencendo corridas, ganhando campeonatos facilmente, mas nós nunca sentimos o apoio que temos este ano”, comentou Whitmarsh.

McLaren e Ferrari eram inimigas juradas, sua rivalidade provocou controvérsias amargas, mas isso suavizou com a saída de Dennis e Jean Todt, ex-chefe da Ferrari.

Agora elas estão unidas na Associação de Equipes de Fórmula 1, liderada por Whitmarsh e em uma base muito mais amigável.

“Falamos muito mais carinhosamente sobre a Ferrari agora do que jamais fizemos, e eu tenho muito respeito pela Ferrari como uma marca e como uma equipe de corrida e pelas pessoas que a comandam.”

“Contudo, por anos você viu itens da Ferrari por toda a parte ao redor do mundo nos circuitos de Fórmula 1, e, agora, você tem de dizer que há bem menos.”

“Volte 20 ou 25 anos e lá estava a marca da Ferrari e o resto de nós. Acredito que a McLaren se destacou e agora estamos dividindo um pouco disso com a Ferrari de uma maneira que nunca fizemos antes,” concluiu.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below