Raúl deixa o Real Madrid após 16 anos; Schalke está interessado

segunda-feira, 26 de julho de 2010 11:49 BRT
 

MADRI (Reuters) - O ex-capitão do Real Madrid Raúl despediu-se do clube nesta segunda-feira após 16 temporadas e disse que seu destino pode ser na Alemanha ou na Inglaterra.

O jogador de 33 anos, ídolo da torcida do Real e símbolo do clube na última década, anunciou a despedida com lágrimas nos olhos em uma entrevista coletiva lotada no estádio Santiago Bernabéu.

Ele afirmou que foi sondado pelo clube alemão Schalke 04, que teria oferecido ao atacante um contrato de dois anos, mas disse que uma transferência para o futebol inglês também era possível.

"Esse é um dia muito difícil para mim", disse Raúl, que prestou homenagem ao ex-jogador do Real Alfredo Di Stefano, que se recupera de problemas cardíacos e respiratórios num hospital de Madri.

"Eu me sinto jogador e quero continuar me sentindo jogador enquanto eu puder e meu corpo permitir", acrescentou. "Essa é a chance de ter uma experiência no exterior. O Schalke demonstrou bastante interesse, mas outros times também. Meu futuro está na Inglaterra ou na Alemanha."

A saída de Raúl aconteceu após o anúncio no domingo de que o meia Guti, de 33 anos e também muito popular entre os torcedores do clube, estava deixando o clube, provavelmente para jogar no Besiktas, da Turquia.

Os dois praticamente não entraram em campo na temporada passada e perderam mais espaço no time com as contratações de Angel Di María, Sergio Canales e Pedro Leon pelo técnico José Mourinho, que assumiu a equipe.

Raúl chegou ao Real em 1992, após breve passagem pelas divisões de base do rival Atlético, e fez sua estreia pela time principal contra o Zaragoza em outubro de 1994, aos 17 anos.

Ele ajudou a equipe na conquista de seis títulos espanhois e três da Liga dos Campeões, com 323 gols marcados em 741 jogos com a camisa branca, de acordo com o site do clube.

(Reportagem de Inmaculada Sanz, Teresa Larraz e Anna Valderrama)

 
<p>Jogador do Real Madrid, Ra&uacute;l Gonz&aacute;lez, participa de coletiva de imprensa em Madri. O ex-capit&atilde;o despediu-se do clube nesta segunda-feira ap&oacute;s 16 temporadas e disse que seu destino pode ser na Alemanha ou na Inglaterra. 26/07/2010 REUTERS/Juan Medina</p>