31 de Julho de 2010 / às 13:34 / 7 anos atrás

Vettel é pole na Hungria e confirma domínio da Red Bull

<p>O alem&atilde;o Sebastian Vettel conquistou neste s&aacute;bado sua quarta pole position consecutiva no Grande Pr&ecirc;mio da Hungria, enquanto seu companheiro na Red Bull, o australiano Mark Webber, o acompanhar&aacute; na primeira fila. 31/07/2010 REUTERS/Max Rossi</p>

Por Alan Baldwin

BUDAPESTE (Reuters) - O alemão Sebastian Vettel obteve sua quarta pole position consecutiva neste sábado, dia em que a Red Bull dominou a primeira fila do Grande Prêmio da Hungria depois que o australiano Mark Webber garantiu a segunda colocação.

A sétima pole de Vettel na temporada foi ainda a 11a em 12a corridas da equipe, que tomou conta do lento circuito em que as ultrapassagens são difíceis e a posição no grid é essencial.

“É bom estar na pole”, sorriu Vettel, cuja discrição é tão flagrante quanto sua liderança. “Acho que estivemos lá um punhado de vezes neste ano. Estou confiante de que amanhã (domingo) temos uma chance muito boa de vencer.”

A distância entre o piloto de 23 anos e Webber foi de mero 0,419 segundo, só restando ao australiano cumprimentar seu companheiro de equipe, que descreveu o enganoso circuito de maneira bizarra dizendo ser “como uma mulher ao seu lado que não se comporta bem.”

“Não fomos rápidos o suficiente”, disse Webber, referindo-se a si mesmo e parecendo desencorajado diante da perspectiva de ficar na cola de seu parceiro no domingo. “Poderíamos ter feito melhor, claro, então merecemos ficar em segundo.”

“Vai ser uma largada interessante, e com as novas regras sabemos que a corrida pode ser interessante em termos de tentar ficar acordado”, acrescentou.

A Ferrari preencheu a segunda fileira com Fernando Alonso ao lado de Felipe Massa, quem um ano atrás sofreu um acidente grave na mesma pista durante os treinos classificatórios.

DOMINANTE E INTOCÁVEL

Alonso, vencedor do GP da Alemanha na semana passada em meio à polêmica das proibidas ‘ordens de equipe’ da Ferrari que supostamente levaram Massa a abrir passagem para o espanhol na reta final da prova alemã, foi 1,2 segundo mais lento que Vettel e afirmou que a terceira posição é o melhor que poderia ter esperado.

Assim como Webber, o bicampeão mostrou pouca esperança de superar Vettel e descreveu o desempenho da Red Bull até o momento como ”dominante e intocável’.

“Sabemos que a pista é difícil para ultrapassar”, disse ele. “A largada, a primeira curva, a primeira volta serão 60 ou 70 por cento do resultado final.”

Líder do campeonato, Lewis Hamilton fez o quinto melhor tempo com sua McLaren, enquanto seu companheiro de equipe e atual campeão Jenson Button, segundo no geral e 14 pontos atrás de seu compatriota britânico, decepcionou com a 11a colocação.

“O alvo sempre é a pole, mas as Red Bull são impossíveis de derrotar, estão 1,7 segundo adiante”, disse Hamilton aos repórteres de TV.

O heptacampeão Michael Schumacher ficou fora das 10 primeiras posições pela quarta vez nas últimas cinco provas com a Mercedes, e seu parceiro e conterrâneo Nico Rosberg larga em sexto.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below