Massa declara alívio por treinar sem incidentes na Hungria

sábado, 31 de julho de 2010 16:05 BRT
 

Por Alan Baldwin

BUDAPESTE (Reuters) - O brasileiro Felipe Massa se classificou na quarta colocação para o Grande Prêmio da Hungria neste sábado com um lembrete constante nos boxes do acidente que quase o matou um ano atrás.

O piloto da Ferrari convidou Robert Veres - o cirurgião que o operou após sofrer os ferimentos na cabeça que puseram sua vida em risco ao ser atingido no capacete por uma mola que se desprendeu do carro de Rubens Barrichello nos treinos no ano passado - para assistir à sessão de treinamento como seu convidado especial.

Fora isso, Massa perdeu pouco tempo com reflexões.

"Disputar e terminar os treinos aqui é uma sensação ótima," disse ele aos repórteres depois de garantir a quarta vaga no grid de largada ao lado de seu companheiro de equipe, o bicampeão espanhol Fernando Alonso.

"Sabemos que as coisas poderiam ter sido muito piores, mas enfim estamos aqui com saúde, que é o mais importante."

"Com certeza não fiquei pensando no acidente durante os treinos," acrescentou. "Pensei nisso somente quando terminei e quando vocês me perguntaram na entrevista. Aí me dei conta."

Um grande cartaz declarando 'Bem-vindo de volta, Felipe' podia ser visto na arquibancada diante da reta principal durante a sessão, e havia muitas bandeiras da Ferrari à vista também.

Massa fez questão de agradecer a equipe do centro médico do circuito por sua assistência no ano passado, e ainda levou seu cirurgião para jantar desde que retornou a Budapeste.

"Quando você vê as pessoas que me tiraram do carro, é um sentimento incrível," disse ele.

"Quando vou à curva onde sofri o acidente, não me importo. Mas quando vejo essas pessoas, me importo com elas."

 
<p>"Disputar e terminar os treinos aqui &eacute; uma sensa&ccedil;&atilde;o &oacute;tima," disse o piloto brasileiro Felipe Massa. 30/07/2010 REUTERS/Max Rossi</p>