Heidfeld deixa Mercedes e será piloto de teste da Pirelli

terça-feira, 17 de agosto de 2010 16:28 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O piloto reserva da Mercedes Nick Heidfeld deixou a equipe da Fórmula 1 para se tornar piloto de testes da fabricante de pneus Pirelli.

Heidfeld, que foi em fevereiro para a Mercedes formando uma linha de pilotos totalmente alemã ao lado dos titulares Michael Schumacher e Nico Rosberg, foi liberado de seu contrato com a escuderia para ajudar no desenvolvimento dos pneus da Pirelli para a F1.

A companhia italiana, que voltará à F1 pela primeira vez desde 1991, foi escolhida em junho substituta da Bridgestone como fornecedora oficial de pneus da categoria a partir da próxima temporada.

"Nick é um piloto extremamente experiente e estamos confiantes que seu conhecimento técnico e de corridas será bastante útil para a Pirelli e também para o benefício do esporte como um todo", disse o chefe da Mercedes, Ross Brawn, em comunicado.

Heidfeld fez sua estreia na Fórmula 1 em 2000 pela extinta equipe Prost, e depois correu por Sauber, Jordan, Williams e BMW Sauber.

Apesar de ser reconhecidamente um piloto consistente, ele nunca venceu uma corrida em seus nove anos de carreira na F1.

"A equipe sempre disse que não entraria no meu caminho se eu tivesse uma chance, e eles educadamente me permitiram assumir essa nova posição", disse Heidfeld.

(Reportagem de Toby Davis)

 
<p>Nick Heidfeld fala com a imprensa antes do GP de Cingapura em 2009. O piloto reserva da Mercedes deixou a equipe da F&oacute;rmula 1 para se tornar piloto de testes da fabricante de pneus Pirelli. 21/09/2009 REUTERS/Tim Chong/Arquivo</p>