Clube chinês multa jogador por agredir colega de equipe

quarta-feira, 18 de agosto de 2010 10:44 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - O clube chinês Shandong Luneng mandou o ex-capitão Jiao Zhe ao time reserva, suspendeu seu salário, e o multou em 30 mil iuanes (4.400 dólares) por agredir um colega de equipe depois do jogo da Liga Chinesa no fim de semana.

O ex-jogador da seleção chinesa, de 29 anos, foi punido por xingar e depois agredir o jovem defensor substituto Zhang Chi no vestiário depois da vitória de 2 x 1 em Chongqing no último fim de semana, informou a mídia local nesta quarta-feira.

"Não é tão simples como expulsá-lo e chamá-lo de volta depois. Temos que lhe dar um aviso, uma lição para aprender... Não posso dizer (quando a suspensão será retirada)", disse o técnico do clube, Han Gongzheng, ao jornal Beijing Youth Daily.

O ex-capitão xingou Zhang por seu desempenho fraco durante o jogo, segundo o portal de notícias chinês Sohu.com, e considerou o silêncio de Zhang um sinal de desrespeito.

Jiao perdeu sua braçadeira de capitão no ano passado por insultar fãs da equipe, e no início desta temporada ele foi suspenso por alguns jogos por questionar o técnico e lesionar outros jogadores do time durante os treinos, segundo o Sohu.com.

A violência dentro e fora de campo se tornou comum no futebol chinês nos últimos anos.

Uma briga gigantesca entre torcedores dos rivais Hangzhou Greentown e Shanghai Shenhua, depois de um empate de 1 x 1 no final de semana passada, deixou "centenas" de feridos, segundo o fã clube do Shenhua.