Inter vence Udinese com gol de Lúcio mas segue sem convencer

sábado, 11 de setembro de 2010 17:05 BRT
 

MILÃO (Reuters) - A campeã italiana Inter de Milão precisou contar com a sorte para conquistar uma vitória pouco convincente de 2 x 1 sobre a Udinese, neste sábado, em sua segunda partida fora de casa na Série A.

O gol de Samuel Eto'o, no rebote de um pênalti cobrado por ele mesmo na metade do segundo tempo, deu à Inter e ao novo técnico Rafael Benitez sua primeira vitória no campeonato depois do empate em 0 x 0 com o Bologna no jogo de abertura da temporada, antes da parada para as partidas das seleções nacionais.

O brasileiro Lúcio completou escanteio de Wesley Sneijder na esquerda, se aproveitando do erro do goleiro Samir Handanovic, para dar a liderança aos campeões europeus.

Antonio Floro Flores, então, completou de cabeça cruzamento de Antonio Di Natale para empatar, aos 30 minutos de jogo.

Handanovic defendeu a cobrança de pênalti de Eto'o depois que Gabrielle Angella colocou a mão na bola, mas o atacante camaronês não desperdiçou o rebote, com um chute de direita.

A Udinese pressionou em busca do empate e viu a defesa adversária quase entregar o empate num lance já nos acréscimos.

A Inter, que conquistou a tríplice coroa na temporada passada em grande estilo sob o comando de José Mourinho, vem tendo dificuldades até aqui nesta temporada. O time teve sorte de derrotar a Roma na Supercopa da Itália e, então, perdeu para o Atlético de Madri na Supercopa da Europa.

O atacante Diego Milito, arquiteto da conquista tripla, novamente estava sem ritmo contra a Udinese e a decisão de Benitez de escalar o jovem francês Jonathan Biabiany não surtiu efeito.

(Por Mark Meadows)