Nadal derrota Djokovic e completa o grand slam em sua carreira

terça-feira, 14 de setembro de 2010 08:27 BRT
 

Por Julian Linden

NOVA YORK (Reuters) - Rafael Nadal consolidou seu lugar entre os grandes tenistas na segunda-feira, derrotando Novak Djokovic para vencer o Aberto dos EUA e completar sua coleção de títulos de grand slams.

Com oito grand slams já conquistados antes do início desse torneio, o espanhol já tinha seu lugar na elite do esporte, mas vencer em Nova York o elevou a um novo patamar e não deixou dúvidas de que é o número um do mundo.

Nadal superou a distração causada por um atraso de duas horas e a perda de seu primeiro set no torneio, mas terminou por vencer Djokovic por 6-4, 5-7, 6-4 e 6-2 após 3 horas e 43 minutos de tensão implacável no estádio Arthur Ashe.

"Isso é mais do que eu sonhei", disse Nadal durante a entrega do troféu. "É incrível estar aqui nessa final, só de chegar à essa final. Ter esse troféu aqui em alguns segundos, com minhas mãos, será inacreditável."

Djokovic, que havia derrotado Roger Federer em uma semifinal exaustiva de cinco sets no sábado, eliminou dúvidas sobre sua capacidade de luta em uma corajosa demonstração, desviando impressionantes 20 break points durante o jogo, mas a pressão finalmente o desgastou.

"Eu gostaria primeiro de parabenizar o Rafa e sua equipe por um torneio surpreendente", disse Djokovic. "No momento, ele é o melhor jogador do mundo e realmente merece este título. Parabéns novamente."

Depois de perder o segundo set em um atrapalhado jogo de serviços, Nadal venceu os últimos dois -- se agarrando à vitória quando Djokovic mandou uma bola para fora -- e desabou na quadra, após sua enorme conquista.

Ele abraçou calorosamente Djokovic e então caiu de joelhos no centro da quadra enquanto os espectadores se levantavam para aplaudi-lo. Quando recebeu o troféu, Nadal o ergueu acima da cabeça, iluminado por milhares de lâmpadas na noite de Nova York.

Nadal já venceu os títulos do Aberto da Austrália, o Aberto da França e Wimbledon. Com a vitória no Aberto dos EUA, ele se uniu a Fred Perry, Don Budge, Rod Laver, Roy Emerson, Andre Agassi e Roger Federer como os únicos homens a vencer quatro dos principais campeonatos do tênis.

Aos 24 anos, é o mais jovem a conquistar essa façanha e seu melhor ainda pode estar por vir.

 
<p>Rafael Nadal comemora com seu trof&eacute;u ap&oacute;s a vit&oacute;ria contra Novak Djokovic no Aberto dos EUA. 13/09/2010 REUTERS/Kevin Lamarque</p>