Brilhante, Alonso segura Vettel e vence em Cingapura

domingo, 26 de setembro de 2010 13:42 BRT
 

Por John O'Brien

CINGAPURA (Reuters) - Fernando Alonso, da Ferrari, defendeu-se do ataque de Sebastian Vettel, da Red Bull, para vencer o GP de Cingapura, neste domingo, e aumentou suas chances de conquistar seu terceiro título da Fórmula 1.

O líder do campeonato, Mark Webber, também da Red Bull, terminou em terceiro e ampliou sua vantagem de cinco para 11 pontos na classificação geral com apenas quatro provas restando para o final da temporada.

O australiano mais uma vez teve sorte ao sair intacto da colisão com Lewis Hamilton, da McLaren, que abandonou a corrida após o acidente.

Webber tem 202 pontos, o espanhol Alonso agora está em segundo com 191, depois de duas vitórias seguidas, em Monza e Cingapura, e Hamilton ocupa o terceiro lugar com 182 pontos.

Vettel está na quarta colocação na classificação geral com 181 pontos e o atual campeão mundial, Jenson Button, na quinta, com 177.

Meros 25 pontos, quantia que recebe quem vence, separa os cinco primeiros colocados do campeonato.

Alonso venceu a prova inaugural em Cingapura pela Renault, em 2008, que foi marcada pelo escândalo depois que se ficou sabendo que seu então companheiro de equipe, o brasileiro Nelsinho Piquet, bateu deliberadamente no muro para forçar a entrada do safety car e ajudar o espanhol a vencer.

O safety car mais uma vez teve de entrar na pista, mas Alonso, que largou agressivamente na pole position, teve um desempenho brilhante para segurar Vettel por 61 voltas no circuito de Marina Bay.   Continuação...

 
<p>O espanhol Fernando Alonso comemora no p&oacute;dio ap&oacute;s vencer o Grande Pr&ecirc;mio de Cingapura ao lado do australiano Mark Webber, 26 de setembro de 2010. REUTERS/Russell Boyce</p>