Webber descarta papel de favorito ao título da F1

quinta-feira, 7 de outubro de 2010 12:27 BRT
 

Por Alan Baldwin

SUZUKA, Japão (Reuters) - O líder do Mundial de Fórmula 1 Mark Webber manteve um discurso cauteloso nesta quinta-feira sobre suas chances de conquistar o título da temporada.

"Não sou o favorito", disse o piloto da Red Bull, que lidera as cotações nas casas de apostas britânicas ao lado do espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, na disputa pelo título da F1.

"Acho que estamos todos iguais neste momento. A situação pode mudar muito rapidamente, tanto para o meu bem como para o mau. A disputa está apertada, mas estou tranquilo", acrescentou o australiano a repórteres no circuito do GP do Japão do fim de semana.

"Essa será mais uma corrida para eu fazer o meu melhor", disse ele sobre Suzuka. "Vou dar o meu máximo e os pontos serão a consequência."

Webber tem 11 pontos de vantagem para Alonso com quatro corridas para o fim do campeonato, incluindo o GP do Japão. Os dois venceram quatro corridas cada um, mas o espanhol bicampeão do mundo chegará motivado pelas vitórias nas duas provas anteriores.

O inglês da McLaren Lewis Hamilton, campeão de 2008, é o terceiro colocado, 20 pontos atrás do líder, enquanto Sebastian Vettel, companheiro de equipe de Webber, vem a seguir, mais um ponto atrás. Também na briga pelo título está o atual campeão Jenson Button, a 25 pontos do primeiro lugar.

"Como eu disse, esse é apenas mais um grande prêmio, outra corrida", disse Webber, tentando minimizar a pressão sobre seus ombros por estar na ponta da tabela.

 
<p>O piloto da Red Bull Mark Webber, da Austr&aacute;lia, inspeciona seu carro no circuito de Suzuka. 07/10/2010 REUTERS/Toru Hanai</p>