Brasil vence Itália por 3 a 1, enfrentará Cuba na final

sábado, 9 de outubro de 2010 18:27 BRT
 

Por Vinicius Cherobino

SÃO PAULO, 9 de outubro (Reuters) - Em uma partida muito antecipada e cercada de polêmica, o Brasil venceu a Itália por 3 a 1 na semifinal da Liga Mundial de Vôlei. Jogando em Roma, a equipe brasileira enfrentou forte pressão da torcida italiana no ginásio, mas conseguiu garantir a vitória em pouco mais de duas horas.

Agora, a seleção brasileira enfrenta a seleção cubana na final do torneio --o time de Bernardinho perdeu para os cubanos por 3 a 2 em partida da primeira fase.

A partida foi cercada de polêmica em ambos os lados. Jogadores da seleção brasileira de vôlei criticaram a chave da Itália em declarações à imprensa, classificando o caminho da equipe dona da casa como mais fácil. Já os jogadores e a imprensa italiana criticaram a postura da seleção brasileira de vôlei, que perdeu para a Bulgária por 3 a zero e ficou na chave mais fácil até a semifinal.

Na partida deste sábado, o Brasil começou forte, aproveitou vários erros dos rivais e uma excelente apresentação do oposto Leandro Vissotto para dominar o primeiro set e fechar por 25 a 15. No segundo set, o Brasil manteve o forte ritmo e abriu uma pequena liderança por 8 a 5. A equipe italiana, no entanto, conseguiu empatar e equilibrar o set.

Jogadores da seleção brasileira discutiram com o árbitro, o levantador Bruninho saiu por contusão e a seleção italiana passou a liderar. O set seguiu equilibrado, mas o Brasil conseguiu vencer por 25 a 22.

No terceiro set, a equipe brasileira teve a volta de Bruninho, mas errou muito e viu a Itália se distanciar no placar e chegar a liderar por 17 a 13. No final do set, o Brasil conseguiu salvar um set point, mas não conseguiu evitar que a Itália vencesse por 25 a 23.

O quarto set teve Marlon novamente como levantador do Brasil e outro forte desempenho de Dante e Vissotto. O Brasil chegou a liderar por 20 a 11 e venceu o set e a partida por 25 a 17.