Vettel vê liderança da F1 escapar na Coreia do Sul

domingo, 24 de outubro de 2010 12:35 BRST
 

YEONGAM, Coreia do Sul (Reuters) - Sebastian Vettel, da Red Bull, abandonou o GP da Coreia da Sul com um problema de motor, neste domingo, justamente quando a vitória e a liderança do campeonato pareciam estar à sua disposição.

Na corrida inaugural, que foi atrasada pela chuva, começou, parou e recomeçou depois de 48 minutos de espera, o alemão de 23 anos liderava quando seu carro começou a diminuir a velocidade e o motor a soltar fumaça na volta 46.

Seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, líder do campeonato até o início da prova, já havia batido, em um dia negro para o time depois da dobradinha no Japão, há duas semanas.

"Estar na frente durante toda a corrida, controlando-a e cuidando dos pneus, acho que não havia nada mais que pudéssemos fazer," disse Vettel, sobre a terceira prova que não conseguiu terminar em 17. "Fizemos um trabalho quase perfeito hoje e também ontem no treino de classificação."

"Ainda há 50 pontos em disputa no campeonato de pilotos. Poderia ser mais fácil se tivéssemos vencido hoje e o motor não tivesse quebrado. Mas isso é a vida e o que acontece algumas vezes."

Este domingo foi a primeira vez que a Red Bull não termina uma prova com seus dois carros desde o GP da Austrália em 2008, 51 corridas atrás.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
<p>"Estar na frente durante toda a corrida, controlando-a e cuidando dos pneus, acho que n&atilde;o havia nada mais que pud&eacute;ssemos fazer," disse Sebastian Vettel, da Red Bull, abandonou o GP da Coreia da Sul neste domingo por um problema de motor. 24/10/2010 REUTERS/Russell Boyce</p>