Cristiano Ronaldo será indenizado por calúnia sobre noitada

segunda-feira, 8 de novembro de 2010 13:38 BRST
 

LONDRES (Reuters) - O atacante do Real Madrid Cristiano Ronaldo ganhou nesta segunda-feira uma importante indenização por calúnia devido a falsas afirmações feitas por um jornal inglês de que ele teria colocado uma grave lesão no tornozelo em risco ao dançar com quatro modelos em uma boate de Hollywood.

Um artigo publicado no jornal britânico Daily Telegraph em julho de 2008 disse que, ao chegar a Los Angeles para participar de uma premiação esportiva, Cristiano Ronaldo, que estava de muletas na época, "foi direto" para uma boate.

A reportagem informava que o português, que deixou o Manchester United e foi para o Real Madrid por 80 milhões de libras no ano passado, deixou as muletas de lado e dançou com as modelos durante a noite, enquanto era servido com "champanha Cristal no valor de 10 mil libras".

A reportagem continha uma foto com o jogador dizendo que o seu então treinador, Alex Ferguson, ficaria chocado ao vê-lo "vivendo intensamente" e colocando em risco sua recuperação.

O jornal aceitou que as informações eram falsas e que nunca deveriam ter sido publicadas. O diário concordou em pagar uma grande indenização, não especificada, além dos custos legais, informou a Press Association.

(Por Stefano Ambrogi)

 
<p>Atacante do Real Madrid Cristiano Ronaldo reage durante partida pelo Campeonato Espanhol: jogador ser&aacute; indenizado por cal&uacute;nia feita por jornal sobre suposta noitada em Hollywood. REUTERS/Felix Ordonez</p>