Fifa estuda adiar para julho início da Copa do Mundo no Brasil

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010 13:54 BRST
 

ZURIQUE (Reuters) - Um dos temas a ser avaliado pela força-tarefa da Fifa que vai estudar maneiras de melhorar a Copa do Mundo será a possibilidade de começar mais tarde o Mundial de 2014 no Brasil, segundo uma fonte ouvida pela Reuters.

Iniciar a Copa de 2014 em julho em vez de junho permitiria aos jogadores das ligas europeias um período maior de descanso após o fim da temporada, disse uma importante autoridade da Fifa.

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, já anunciou que a força-tarefa vai estudar formas de tornar a Copa do Mundo mais atraente.

A decisão de Blatter foi anunciada depois que diversos jogadores importantes, incluindo Wayne Rooney, Cristiano Ronaldo e Didier Drogba, tiveram atuações apagadas na Copa do Mundo da África do Sul deste ano.

A Fifa também ficou descontente com as estratégias defensivas de várias equipes na primeira fase do Mundial, que resultaram em muitos jogos desanimados.

Blatter disse que gostaria de ter soluções para essas questões antes da Copa do Mundo de 2014 no Brasil.

A Fifa já tinha imposto uma data limite antecipada para o final das temporadas nacionais em anos de Copa do Mundo, mas isso aparentemente fez pouca diferença para melhorar as condições físicas de vários jogadores que estiveram na África do Sul.

A Copa do Mundo normalmente começa apenas algumas semanas após o fim da temporada europeia.

Blatter disse em outubro que o medo de uma derrota nos primeiros jogos da Copa levou muitos países a jogarem excessivamente na defesa, o que prejudicou a qualidade do futebol exibido nas rodadas iniciais do Mundial.

"Ninguém quer perder esses jogos (da primeira rodada). Tivemos cinco ou seis empates na África do Sul, então vamos ver como podemos tornar o futebol mais atrativo", disse ele após uma reunião do comitê executivo da Fifa à época.