CBF reconhece títulos brasileiros pré-1971 e Pelé vira hexa

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010 15:20 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Pelé tornou-se nesta quarta-feira hexacampeão brasileiro de uma única vez, após a confirmação da Confederação Brasileira de Futebol de que as conquistas da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa, disputados de 1959 a 1970, serão reconhecidas como títulos brasileiros.

Uma vez que o Campeonato Brasileiro só passou a ser disputado a partir de 1971, o grande time do Santos comandado por Pelé não era considerado campeão nacional até a decisão da CBF de unificar os títulos nacionais.

Com seis taças conquistadas de 1959 a 1970, o maior jogador do futebol mundial agora é também o maior vencedor da história do país.

"Acho que era merecido esse reconhecimento. Fico feliz de estar aqui em nome de todos aqueles que passaram naquela época", disse Pelé a jornalistas, após receber seis medalhas de campeão nacional das mãos do presidente da CBF, Ricardo Teixeira, num evento no Rio de Janeiro.

A decisão da CBF de reconhecer os títulos foi tomada com base num estudo encomendado pelos clubes que conquistaram títulos de âmbito nacional no período anterior à criação do Campeonato Brasileiro.

O Santos foi o maior beneficiado, com mais seis títulos, além dos dois conquistados em 2002 e 2004. O Palmeiras teve mais quatro conquistas reconhecidas, e se iguala ao Santos como os maiores campeões brasileiros, com oito conquistas cada.

Bahia, Botafogo, Cruzeiro e Fluminense também passam a ter mais um título nacional cada em sua conta.

Na era do Campeonato Brasileiro, o maior ganhador é o São Paulo, com seis taças, seguido por Flamengo (5 títulos) e Corinthians (4).

(Por Pedro Fonseca)

 
<p>Pel&eacute; exibe as seis medalhas de campe&atilde;o brasileiro entregues nesta quarta-feira pela Confedera&ccedil;&atilde;o Brasileira de Futebol (CBF), que unificou os t&iacute;tulos nacionais. REUTERS/Bruno Domingos</p>