Mesmo gripado, Nadal pode vencer na Austrália, diz Agassi

sábado, 8 de janeiro de 2011 18:18 BRST
 

Por Pritha Sarkar

(Reuters) - O número um do mundo Rafael Nadal foi acometido por uma gripe nesta semana, mas Andre Agassi confia que a doença não diminuirá as chances do espanhol de conquistar o Aberto da Austrália no final do mês.

Nadal pode se tornar o primeiro tenista desde Rod Laver em 1969 a deter os quatro títulos de grand slam ao mesmo tempo caso triunfe em Melbourne.

Entretanto, sua condição gerou dúvidas sobre se ele será capaz de sobreviver às sete partidas sob o inclemente calor australiano.

"Ele (Nadal) dominou 2010 e fez uma pausa saudável antes do Aberto dos EUA, então estará descansado e confiante," disse o ex-número um Agassi neste sábado na exposição Ri se of Legends exhibition em Taiwan.

"(Roger) Federer também jogou fantasticamente no final do ano. Acho que é uma disputa apertada entre os dois, mas Nadal tem uma chance maior agora," acrescentou o norte-americano.

Aos 24 anos, Nadal silenciou seus críticos, que o haviam descartado em 2009 ao vê-lo vitimado pela tendinite nos dois joelhos, vencendo Roland Garros, Wimbledon e o Aberto dos EUA em três meses em 2010.

Como uma profecia para os adversários do espanhol, Agassi alerta que ele não chegou em seu melhor momento.

"Nadal ainda nem chegou no auge, ele continua melhorando. Nada que ele faça irá me surpreender mais," declarou Agassi.   Continuação...