Federer e Djokovic vencem e se enfrentarão em semi na Austrália

terça-feira, 25 de janeiro de 2011 15:41 BRST
 

Por Alastair Himmer

MELBOURNE (Reuters) - A primeira semifinal do Aberto da Austrália será disputada entre o número dois do mundo, Roger Federer, e o número três, Novak Djokovic, que na terça-feira venceram sem problemas seus rivais de quartas de final em Melbourne.

O suíço Federer superou seu amigo e compatriota Stanislas Wawrinka por 6-1, 6-3 e 6-3, enquanto o sérvio Djokovic bateu por 6-1, 7-6 e 6-1 o tcheco Tomas Berdych.

Federer --campeão do ano passado-- passou por Wawrinka em uma hora e 47 minutos no primeiro duelo de quartas de final de Grand Slam em que dois suíços se enfrentaram.

"Prefiro jogar agressivamente", disse o ex-líder do ranking mundial a jornalistas após a partida.

"Acredito que em momentos cruciais fui prejudicado por jogar passivamente em vez de tentar enfrentar um pouco mais o adversário."

No segundo jogo do dia, Djokovic barrou Berdych, que só conseguiu equilibrar o confronto no segundo set, levando para o tiebreak, vencido pelo sérvio por 7-5.

Sobre a semifinal contra Federer, Djokovic disse que "não tem nada a perder".

"É o melhor jogador da história", afirmou. "Tenho que ter confiança e ser otimista. Se jogar bem, tenho uma possibilidade", completou.

A outra semifinal será definida na quarta-feira, quando o espanhol Rafael Nadal enfrenta seu compatriota David Ferrer e o escocês Andy Murray pega o ucraniano Alexandr Dolgopolov.

 
<p>O su&iacute;&ccedil;o Roger Federer venceu seu compatriota Stanislas Wawrinka nesta ter&ccedil;a-feira nas quartas de final do Aberto da Austr&aacute;lia. 25/01/2011 REUTERS/Petar Kujundzic</p>