Norte da França quer "pegar carona" na Olimpíada de Londres

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011 18:27 BRST
 

PARIS (Reuters) - O norte da França pretende receber vários atletas durante a fase de preparação para a Olimpíada de 2012 em Londres.

A seleção francesa de handebol, medalha de ouro em Pequim-08, deve se estabelecer em Dunquerque, e vários outros participantes pretendem aproveitar a proximidade da região com a capital britânica, além da sua atmosfera mais relaxada.

Paris perdeu para Londres o direito de sediar os Jogos de 2012.

"Assim que os poucos momentos de tristeza ... passaram quando Londres foi preferida em relação a Paris, usamos nossa proximidade geográfica para propor campos de preparação", disse o deputado e prefeito de Dunquerque, Michel Delebarre, a jornalistas na quarta-feira, durante a assinatura de um acordo entre a região e o Comitê Olímpico Francês.

As equipes francesas de natação, ginástica, esgrima e vela também devem ficar na costa norte da França até as vésperas da competição, e outros países também poderão usar a região como sua base pré-olímpica.

Já há confirmação nesse sentido da equipe de ciclismo de Cingapura, de basquete da Bélgica e de atletas de Marrocos e Hungria.

Dunquerque fica a uma hora e meia de Londres.

(Reportagem de Chrystel Boulet-Euchin)