February 18, 2011 / 6:08 PM / 6 years ago

Para Massa, F1 terá mais ultrapassagem e paradas no boxe

4 Min, DE LEITURA

<p>Piloto da Ferrari Felipe Massa durante um teste de pr&eacute;-temporada da F1 em Valencia, no come&ccedil;o do m&ecirc;s. 03/02/2011Heino Kalis</p>

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO (Reuters) - As mudanças nas regras da Fórmula 1 para 2011 vão facilitar as ultrapassagens, causarão mais paradas nos boxes e podem deixar a disputa pelo título mais aberta, disse nesta sexta-feira o piloto brasileiro da Ferrari Felipe Massa.

Entre as principais alterações para a temporada, que começa no dia 13 de março no Barein, estão a volta do sistema de recuperação de energia cinética (Kers), a asa traseira móvel e uma nova fornecedora de pneus.

"Quando há mudanças fortes, muitas equipes têm a chance de desenvolver melhor, de acertar as novas regras melhor do que as outras equipes, achar mais rápido a peça que se encaixa melhor... e isso é importante para a gente ter um ano ainda mais competitivo em cima da Red Bull", disse Massa em teleconferência a partir de Mônaco com jornalistas.

O piloto da Ferrari afirmou que a Red Bull, campeã de construtores e pilotos com Sebastian Vettel no ano passado, segue sendo a mais "analisada" pelos outros, mas as mudanças podem trazer uma gama maior de equipes com chances durante a temporada.

Para Massa, a volta do Kers e principalmente a asa móvel vão deixar a categoria com mais ultrapassagens.

"Quando você está atrás de um carro, você pode apertar um botão e a asa abaixa. Assim você ganha velocidade e tem mais chance de ultrapassar o carro. Isso vai aumentar a disputa e facilitar a ultrapassagem", explicou ele sobre a novidade.

Massa disse que os pilotos terão muito mais trabalho com o volante, local onde eles acionam estes dispositivos.

Sobre os pneus Pirelli, que vão substituir os Bridgestone este ano, o brasileiro contou que eles gastam mais rápido e por isso haverá mais paradas nos boxes. O piloto calcula uma parada a mais por prova do que ocorria anteriormente.

"É um pneu mais mole, então ele vai acabar muito mais rápido do que o Bridgestone. Vai ter mais paradas no boxe, talvez um parada a mais. Isso vai mudar um pouco a estratégia da corrida. Eu gostei desde o começo do jeito de dirigir dos pneus Pirelli", disse.

Massa, que terminou o campeonato de 2010 apenas em sexto lugar -- enquanto seu companheiro Fernando Alonso foi o vice-campeão -- acredita que a Ferrari estará bem preparada para o início da temporada, diferentemente do que aconteceu no ano passado, quando a escuderia sofreu nas primeiras provas e depois não conseguiu alcançar a Red Bull.

O brasileiro voltou a afirmar que tem uma boa relação de trabalho com Alonso -- apesar de não "sair para jantar com ele" -- afinal eles estão desenvolvendo o carro juntos.

"Estou super confiante. Ainda é o começo, tem que fazer o carro andar bastante quilômetros... porque é muito importante começar bem, competitivo. A gente está num bom caminho", disse.

Massa lamentou o grave acidente com o polonês Robert Kubica, da Renault, numa prova de rali na Itália, e disse que os pilotos têm que se preocupar com tudo que fazem.

"Quem sou eu para dizer que estava errado, mas certo também não estava."

Ele disse ainda que está acompanhando os protestos no Barein, que colocam em risco a primeira prova do ano. Os dirigentes da F1 devem resolver na semana que vem se haverá corrida lá.

"Espero que se resolva o mais rápido possível para irmos ao Barein com segurança."

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below