Messi comanda vitória sobre o Arsenal; Shaktar elimina Roma

terça-feira, 8 de março de 2011 19:57 BRT
 

Por Iain Rogers

BARCELONA (Reuters) - Lionel Messi liquidou as ambições do Arsenal na Liga dos Campeões pela segunda temporada consecutiva ao marcar um golaço, converter um pênalti e conduzir o Barcelona às quartas de final do torneio.

O clube inglês havia vencido de virada o jogo de ida no mês passado, em Londres, por 2 x 1. No jogo de volta, num Camp Nou lotado e barulhento, o Barça saiu na frente nos descontos do primeiro tempo, quando Messi aproveitou um passe de Andrés Iniesta e tocou para o gol vazio depois de chapelar o goleiro Manuel Almunia.

Mas o Arsenal continuou vivo, e parecia se encaminhar para a classificação quando Sergio Busquets marcou de cabeça um gol contra, aos 8 minutos do segundo tempo, empatando a partida.

Mas três minutos depois o atacante Robin van Persie, do Arsenal, foi expulso ao receber o segundo cartão amarelo, e deixou o campo queixando-se de não ter ouvido o apito do árbitro paralisando o jogo num impedimento --motivo da advertência fatal.

"Como eu poderia ouvir o apito dele, com 95.000 pessoas pulando para cima e para baixo?," perguntou o holandês numa entrevista ao canal Sky Sports. "Essa expulsão foi uma piada total. Teve grande influência (sobre o resto do jogo)."

Xavi pôs o Barça novamente na frente aos 24 do segundo tempo, e Messi fechou o placar de 3 x 1 convertendo um pênalti aos 26 --depois de Laurent Koscielny derrubar Pedro na área.

Com o placar a seu favor, o Barça dominou a partida, obrigando Almunia a fazer grandes defesas em ataques de Messi e David Villa.

Na outra partida da rodada, o Shaktar Donetsk eliminou a Roma com uma vitória por 3 a 0.

 
<p>Messi comemora terceiro gol contra Arsenal na vit&oacute;ria do Barcelona pela Liga dos Campe&otilde;es.08/03/2011.REUTERS/Albert Gea</p>