9 de Março de 2011 / às 23:06 / 6 anos atrás

Novo carro da McLaren decepciona Hamilton

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - Lewis Hamilton minimizou na quarta-feira suas chances de ser campeão da Fórmula 1 neste ano, ao descrever o novo carro da McLaren como frustrante e ainda longe de ser capaz de vencer.

O britânico, campeão mundial de 2008, deixou claro que a McLaren está correndo atrás dos seus concorrentes, faltando poucas semanas para o início da temporada.

"Se eu acredito que tenho um carro para ganhar o Mundial neste momento? Não tenho, não", afirmou o piloto de 26 anos a jornalistas, após um dia difícil nos últimos testes da pré-temporada, em Barcelona.

"Nós definitivamente deveríamos ter sido capazes de continuar a partir de 2008 e de ganharmos outro campeonato nos últimos dois anos, mas não conseguimos."

"Vendo a forma como o carro se desenvolveu ao longo do inverno e como ele ficou, eu estava realmente animado, achando que havíamos acertado em cheio. Perdemos a mão um pouco, mas não é que não tenhamos chances de corrigir", afirmou.

A McLaren terminou a temporada de 2010 em segundo lugar, atrás da campeã Red Bull, mas tinha a esperança de reduzir significativamente qualquer diferença com o seu carro novo. Em vez disso, o que se tem visto nos testes na Espanha são carros fora de ritmo e com problemas de confiabilidade.

Hamilton foi apenas o quarto mais rápido na quarta-feira, e mesmo na sua melhor volta foi mais de um segundo mais lento que o campeão Sebastian Vettel, da Red Bull.

Ainda mais preocupante para ele foi o fato de ter conseguido dar apenas 57 voltas, contra 112 de Vettel. O suíço Sebastien Buemi, da Toro Rosso, que foi o segundo mais rápido, deu 120 voltas.

"Foi um dia difícil no sentido de que não fizemos milhagem suficiente", disse Hamilton, cuja equipe venceu pela última vez um título de construtores em 1998. "Eu vim para cá esperando fazer mais voltas, chegar a umas cem voltas, cumprir uma distância de corrida. Normalmente nesta época do ano é que chegamos com os pit stops e fazemos uma ou duas distâncias de corrida por dia, mas ficamos muito longe até mesmo de completar uma só (corrida)."

O carro teve problemas hidráulicos e uma falha de escapamento na quarta-feira. Um ponto positivo, segundo Hamilton, foi que algumas das melhorias experimentadas pareciam ter dado resultado.

No entanto, o britânico tem agora apenas mais um dia de testes, já que o seu companheiro Jenson Button usará o carro no outro dia. A temporada começa em 27 de março na Austrália.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below