13 de Março de 2011 / às 19:18 / 7 anos atrás

Cassano salva o Milan e Totti decide o clássico de Roma

<p>Antonio Cassano, do Milan, domina a bola durante partida contra o Bari pelo campeonato italiano no est&aacute;dio de San Siro, em Mil&atilde;o. 13/03/2011 REUTERS/Alessandro Garofalo</p>

ROMA, 13 de março (Reuters) - Antonio Cassano salvou o líder Milan de um tropeço ao marcar o gol de empate em 1 x 1 no final da partida contra o último colocado Bari enquanto Francesco Totti marcou duas vezes na vitória da Roma por 2 x 0 a Lazio no Dérbi de Roma.

Cassano marcou de cabeça a oito minutos do final, após o anfitrião Milan ficar em desvantagem no placar com um gol de Gergely Rudolf no primeiro tempo e então ter o atacante Zlatan Ibrahimovic expulso com 17 minutos para o fim.

Com nove partidas a disputar, o Milan se mantém cinco pontos a frente do rival Inter, que empatou em 1 x 1 com o Brescia na sexta-feira, com um clássico decisivo a ser disputado em 3 de abril.

“Há alguma amargura esta semana,” disse o treinador do Milan Massimiliano Allegri, cuja equipe foi também eliminada da Liga dos Campeões na quarta-feira. “Mas nós temos que olhar o lado positivo. Nós não perdemos jogando com 10 em campo e mantivemos a mesma diferença de pontos para a Inter.”

Em Roma, dois gols de Totti no fim do jogo deram aos torcedores romanistas alguma alegria após a eliminação para o Shaktar Donetsk na Liga dos Campeões no meio da semana.

David Pizarro da Roma acertou a trave com um chute de longa distância aos quatro minutos e essa foi uma das poucas chances após um primeiro tempo tenso.

A Lazio, que tinha perdido as quatro partidas anteriores para os rivais, manteve o jogo equilibrado no segundo tempo e poderia ter saído na frente quando Stefano Floccari desperdiçou uma cabeçada próximo ao gol aos 21 minutos do segundo tempo.

Quatro minutos depois, Totti incendiou o estádio, chutando através da barreira após uma cobrança de falta em dois toques e vencendo o goleiro Muslera para marcar seu primeiro gol no clássico desde 2005.

Stefan Radu e Cristian Ledesma foram expulsos nos minutos finais, antes de Totti dar o toque final, convertendo um pênalti para deixar a Roma em sexto lugar, dois pontos abaixo da Lazio, que caiu para quinto.

Na Sardenha, a Udinese manteve seu incrível recorde de pontuação fora de casa, ao bater o Cagliari por 4 x 0 e subir para o terceiro lugar, ao menos até a partida de mais tarde entre Parma e Napoli.

Medhi Benatia, Alexis Sanchez e duas vezes Antonio Di Natale -- seu 23º e 24º na temporada - marcaram os gols da Udinese. O time de Francesco Guidolin marcou 32 goals em 15 partidas fora de casa.

CHANCE DE IBRAHIMOVIC

Em Milão, o Bari surpreendeu ao tomar a frente aos 39 minutos de jogo. Ao invés de o chute de longe de Sergio Almiron ir para o gol, bateu em Rudolf, que dominou, virou e chutou num movimento que deixou o goleiro Christian Abbiati sem ação.

O Milan colocou pressão após o intervalo mas encontrou um Bari bem organizado na defesa e teve dificuldades. Jean Francois Gillet salvou uma tentativa de Robinho aos 5 minutos, antes de Ibrahimovic mandar para a rede mas receber amarelo por tocar a mão na bola na jogada.

O sueco perdeu uma grande chance de empatar a 18 minutos do fim, chutando para fora após receber passe de Cassano, que começou no banco. Um minuto depois, o frustrado Ibrahimovic foi expulso após receber o segundo amarelo por outro empurrão no defensor.

O Bari quase ampliou aos 33 minutos, após um rápido contra-ataque mas Albiron chutou para fora. E pagaram por isso quando Luca Antonini cruzou para Cassano, nascido em Bari, cabecear e empatar o jogo.

A Fiorentina manteve a boa fase recente com uma vitória por 1 x 0 fora de casa sobre o Chievo Verona. O peruano Juan Vargas marcou o gol 3 minutos após o intervalo e a equipe Viola foi ao oitavo lugar, dois pontos atrás da Juventus.

O Genoa bateu o Palermo por 1 x 0 e o Bologna derrotou fora de casa o Lecce pelo mesmo placar e subiu para o meio da tabela; Christian Llama deu ao Catania treinado por Diego Simeone três pontos preciosos ao vencer por 1 x 0 a Sampdoria e subir quatro posições acima da zona de rebaixamento.

No sábado, o Cesena reagiu e buscou o empate em 2 x 2 com uma Juventus com 10 em campo, colocando ainda mais pressão sobre o treinador Gigi Delneri.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below