EUA sobrevivem a aula de Messi e empatam com Argentina

domingo, 27 de março de 2011 13:20 BRT
 

Por Julian Linden

EAST RUTHERFORD, Nova Jersey (Reuters) - O adolescente norte-americano Juan Agudelo aproveitou um raro erro defensivo da Argentina e deu aos Estados Unidos um empate de 1 x 1 no amistoso de sábado em casa.

A Argentina dominou a partida do início ao fim, e Lionel Messi provocou e atormentou os adversários com toda sua gama de truques, mas seu time só converteu em uma das inúmeras oportunidades.

O gol veio no final do primeiro tempo, quando Messi chutou a bola entre as pernas do capitão dos EUA, Carlos Bocanegra, e Esteban Cambiasso balançou a rede capitalizando o rebote na entrada da área.

Apesar de fortemente marcado, Messi ameaçou ampliar a vantagem de sua seleção em várias ocasiões, mas os norte-americanos se viraram bem na defesa e conseguiram um empate aos 14 minutos da segunda etapa na contramão da tendência do jogo.

"Acho que fizemos um ótimo primeiro tempo. Em alguns momentos fomos brilhantes," declarou Sergio Batista, técnico da Argentina, por meio de um tradutor na coletiva de imprensa.

"Acho que o futebol que queremos ver estava lá... mas não terminamos bem."

Um lapso de concentração bastou para os EUA encostarem no placar diante de uma plateia entusiasmada de 79 mil pessoas, atiçada pela presença de Messi.

MANHA   Continuação...

 
<p>O adolescente norte-americano Juan Agudelo aproveitou um raro erro defensivo da Argentina e deu aos Estados Unidos um empate de 1 x 1 no amistoso de s&aacute;bado em casa. REUTERS/Gary Hershorn</p>