6 de Maio de 2011 / às 16:27 / 6 anos atrás

Button é o mais veloz na Turquia; Vettel bate

<p>O brit&acirc;nico Jenson Button, piloto da McLaren, acena depois de treino para o Grande Pr&ecirc;mio da Turquia, em Istambul. 06/05/2011 REUTERS/Leonhard Foeger</p>

Por Alan Baldwin

ISTAMBUL (Reuters) - O piloto da McLaren Jenson Button foi o mais veloz no treino desta sexta-feira para o Grande Prêmio da Turquia, enquanto o atual campeão da Fórmula 1, Sebastian Vettel, bateu o carro durante a manhã e ficou fora da segunda sessão inteira.

Líder do campeonato depois de vencer duas das três primeiras corridas, Vettel deu muito trabalho extra aos mecânicos da Red Bull depois de bater nas barreiras do autódromo Istanbul Park, cuja pista estava encharcada pela chuva.

O alemão de 23 anos, que ocupou a pole position nas últimas quatro corridas, perdeu o controle do carro na saída da complicada oitava curva do autódromo.

A sessão foi interrompida, faltando 27 minutos para o fim. Técnicos limparam a pista, e o carro batido da Red Bull foi guinchado de volta para o pit stop.

“Havia água na pista na saída da curva. Não pude fazer nada”, disse Vettel no rádio da equipe depois de seu carro derrapar e chocar-se contra as barreiras.

O carro foi bastante danificado, e Vettel foi apenas espectador no treino da tarde, quando saiu o sol e a temperatura subiu bastante.

Vencedor na Turquia com a Brawn em 2009, Button foi o mais veloz do treino, com 26s456 de dianteira sobre um quarteto de carros com motores Mercedes.

Nico Rosberg, da Mercedes, foi o segundo colocado, à frente de Lewis Hamilton -- vencedor da corrida em 2010 -- e Michael Schumacher, da Mercedes.

O australiano Mark Webber, da Red Bull, que teve a pole position em Istambul no ano passado, foi o quinto colocado.

ESTREIA INDIANA

Fernando Alonso, da Ferrari, foi o mais veloz pela manhã, fazendo a melhor volta com o tempo de 1min38s670, à frente de Rosberg e Schumacher, que tiveram uma performance forte para a equipe Mercedes.

Alonso derrapou no treino da tarde. Sua Ferrari se arrastou de volta ao pit stop com um problema hidráulico, empurrada por mecânicos.

O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, três vezes vencedor na Turquia, foi o sétimo e sexto colocado, depois de se queixar de problemas nos freios de seu carro.

A McLaren ficou em último lugar no treino da manhã, com Hamilton em 24o lugar.

Um pouco de história foi feita na parte mais lenta do primeiro treino, quando a Índia teve dois pilotos de F1 na pista juntos pela primeira vez em um fim de semana de grande prêmio.

Karun Chandhok, piloto reserva da Lotus, teve a oportunidade de dirigir o carro no lugar do finlandês Heikki Kovalainen, ao mesmo tempo em que o piloto regular da HRT Narain Karthikeyan também estava na pista.

Chandhok, que estreou com a HRT no ano passado antes de Karthikeyan voltar nesta temporada, tinha participado apenas brevemente do primeiro treino na Austrália em março, quando foi o primeiro a sair do pit stop e bateu o carro logo depois.

Karthikeyan não participou daquele treino em função de problemas com seu carro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below