De olho na Copa, Brasil testará serviços em amistosos de junho

sexta-feira, 13 de maio de 2011 15:40 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Os serviços oferecidos pelo Brasil em jogos de futebol passarão pelo primeiro teste oficial em junho visando a Copa das Confederações de 2013 e o Mundial de 2014, segundo o comitê organizador da Copa. A ideia é que os amistosos da seleção brasileira contra a Holanda, em 4 de junho, e contra a Romênia, no dia 7, sejam preparatórios para os dois torneios.

"O objetivo é realizar um ensaio e tentar mostrar aos profissionais e aos espectadores o que será encontrado durante as duas competições", informou um comunicado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do comitê organizador na sexta-feira.

Três itens serão analisados nos amistosos: competições, segurança e imprensa.

No entanto, os estádios onde vão ser realizados os amistosos, Serra Dourada, em Goiânia, e Pacaembu, em São Paulo, não serão usados no Mundial de 2014.

Na área de imprensa, serão analisados nos amistosos posições de transmissão, tribunas de imprensa, posição para fotógrafos, centro de mídia e salas de entrevistas coletivas dos técnicos e jogadores. A proposta é promover uma estrutura semelhante à exigida pela Fifa para jogos de Copa do Mundo.

Na área de segurança, haverá uma ação conjunta entre poder público e privado, sendo que os órgãos de segurança pública ficam responsáveis pela cidade e vias públicas até a porta dos estádios, e os seguranças privados atuarão apenas na área interna da arena.

"A ideia é empregar em torno de mil profissionais como stewards e seguranças privados em cada um dos dois jogos. O objetivo é oferecer um ambiente seguro e pacífico para a realização das partidas, dentro de um modelo de não confronto", diz o comunicado.

O estádio do Pacaembu contará com assentos numerados para espectadores, que serão orientados por voluntários.

De acordo com o documento, na área de competições a atuação do comitê organizador será no serviço às equipes, inclusive com a presença de um "team liaison officer (TLO)", um elo entre a seleção e a organização do evento.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)