Federer acaba com invencibilidade de Djokovic e enfrentará Nadal

sexta-feira, 3 de junho de 2011 19:08 BRT
 

Por Julien Pretot

PARIS (Reuters) - O tenista suíço Roger Federer acabou com a invencibilidade de 41 jogos de Novak Djokovic este ano ao ganhar a semifinal do Aberto da França por 7-6, 6-3, 3-6 e 7-6, na sexta-feira. Ele disputará a final de Roland Garros contra o atual campeão, Rafael Nadal.

O suíço, número três do mundo, também evitou que o sérvio assumisse a liderança do ranking e igualasse o recorde de 42 vitórias na temporada que pertence a John McEnroe desde 1984.

É a quinta vez que Federer disputará a final em Roland Garros e sua primeira decisão de Grand Slam desde o Aberto da Austrália do ano passado.

O vencedor de 16 títulos em torneios Grand Slam, que enfrentará o número um Nadal no domingo, se recuperou de uma quebra no primeiro set para fechar a parcial no tiebreak por 7-5.

Federer, campeão em Paris em 2009, aproveitou o bom momento para abrir 3-1 no set seguinte, que ele ganhou ao salvar um break point no nono game com um ace.

Em desvantagem, Djokovic, que assumiria a liderança do ranking se chegasse à final, venceu o terceiro set.

Na quarta parcial, Federer foi muito aplaudido ao acertar um lindo golpe de esquerda na linha, e surpreendeu seu adversário com um ace no segundo serviço. Ele venceu o tiebreak de novo por 7-5.

Federer nunca derrotou Nadal nas três finais de Roland Garros que já disputaram.

 
Roger Federer, da Suíça, comemora vitória contra Novak Djokovic, da Sérvia, em semi-final do Aberto da França, Paris. 03/06/2011 REUTERS/Vincent Kessler