8 de Junho de 2011 / às 03:04 / 6 anos atrás

Brasil vence Romênia no último teste antes da Copa América

O jogador Fred marca para a seleção brasileira no amistoso contra a Romênia no estádio do Pacaembu, em São Paulo. 07/06/2011 REUTERS/Paulo Whitaker

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO (Reuters) - A seleção brasileira derrotou a Romênia por 1 x 0 no último amistoso antes da Copa América na terça-feira em São Paulo, em jogo que marcou a despedida do atacante Ronaldo com a camisa do Brasil.

Após empatar em 0 x 0 com a Holanda, no sábado, e deixar o campo em Goiânia vaiado, o time do técnico Mano Menezes teve uma recepção mais calorosa no estádio do Pacaembu, onde conseguiu a vitória contra um time mais modesto graças a um gol de Fred no primeiro tempo. Mas não escapou das vaias no final, após uma segunda etapa decepcionante.

O atacante Neymar novamente foi o jogador mais acionado e que mais tentava o gol pelo Brasil, porém sem brilhar, assim como todo o time brasileiro. Muito lenta, a equipe falhou na criação das jogadas e ainda errou muitos passes.

O próximo desafio dos brasileiros será a Copa América, em julho, na Argentina.

A seleção entrou em campo com Victor, Maicon, Lucio, David Luiz e André Santos; Sandro, Elias e Jadson; Robinho, Fred e Neymar. O time brasileiro começou o jogo no ataque e teve duas boas chances no início.

A primeira delas em um voleio do zagueiro Lucio após cobrança de escanteio de Neymar, aos 5 minutos, que foi defendido pelo goleiro romeno. Aos 12, Neymar recebeu lançamento pela direita, cortou o zagueiro, mas chutou para fora de perna esquerda.

Quando diminuiu um pouco o ritmo, e a torcida já pedia Ronaldo, o Brasil abriu o placar. Aos 22 minutos, Neymar driblou pela esquerda e tocou para Fred completar para as redes.

Três minutos depois, a Romênia assustou o goleiro Victor em uma cobrança de falta que tocou o travessão antes de sair.

DESPEDIDA SEM GOL

Aos 30 minutos, o momento mais aguardado da noite pela torcida: Ronaldo substitui Fred para jogar seus últimos minutos com a camisa da seleção.

O atacante, maior artilheiro de Copas do Mundo, preferiu toques de primeira e quase marcou ao receber passe de Neymar dentro da área. O goleiro defendeu.

Acima do peso, Ronaldo, que anunciou sua aposentadoria em fevereiro, perdeu outro gol logo depois ao chutar por cima, completamente livre de marcação. Ele teve uma terceira chance, em seguida, ao finalizar em cima do goleiro, fazendo a torcida no Pacaembu lamentar.

No segundo tempo, Nilmar entrou na vaga de Ronaldo, que deu uma volta no estádio e foi muito aplaudido pelos torcedores.

Com um jogo morno, a torcida, que não lotou o estádio, começou a pedir a entrada do jovem Lucas, do São Paulo.

O atacante Robinho, muito apagado no jogo, foi vaiado ao ser substituído por Lucas. O volante Lucas Leiva também entrou, no lugar de Sandro, enquanto Luisão substituiu Lucio, e Thiago Neves entrou na vaga de Neymar.

Foi de Thiago Neves a melhor chance do segundo tempo, mas ele chutou para fora ao receber bom passe dentro da área.

Irritada, a torcida não aguentou e passou a gritar “ole” quando os romenos tocavam bola, e alguns pediam Ronaldo de volta. A seleção precisa melhorar para a Copa América, a primeira competição oficial de Mano na seleção.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below