Hamilton cogita maior cautela para o GP da Europa

sábado, 25 de junho de 2011 16:52 BRT
 

Por Alan Baldwin

VALÊNCIA, Espanha (Reuters) - Lewis Hamilton pode estar preparado para pensar duas vezes sobre como ultrapassar seus adversários de Fórmula 1.

As duas últimas corridas do campeão mundial de 2008 foram uma coleção de batidas, polêmicas e discussões com fiscais de prova.

Neste sábado o piloto de 26 anos se classificou na terceira posição e disse aos repórteres que cogita uma abordagem mais cautelosa para a prova de domingo.

"Quero terminar a corrida. Isto é o essencial", disse ele. "Sempre serei agressivo como sou agora. Entretanto, em vez de pensar uma vez sobre uma manobra, talvez pense duas", continuou o britânico.

"Se isso significa ser mais cauteloso, que seja, mas se eu tiver uma oportunidade vou partir para o ataque."

O instinto de Hamilton sempre foi disputar ao invés de se contentar com o segundo lugar, e é essa mistura pujante de paixão, velocidade máxima e pura determinação de vencer que o tornou tão querido pelos fãs.

Mas também foi sua perdição, levando o piloto até mesmo a colidir com seu colega de equipe Jenson Button na prova anterior no Canadá. Button seguiu em frente e venceu, Hamilton saiu.

Em Mônaco, ele bateu na Ferrari do brasileiro Felipe Massa e na Williams do novato venezuelano Pastor Maldonado, pondo fim à prova dos rivais.   Continuação...