26 de Junho de 2011 / às 13:59 / em 6 anos

Vettel conquista a 6a vitória da temporada em Valência

Piloto da Red Bull Sebastian Vettel comemora vitória no Grande Prêmio da Europa, em Valência. Vettel venceu o GP da Europa num verdadeiro passeio sob o sol espanhol no domingo e conquistou sua sexta vitória em oito corridas nesta temporada. 26/06/2011 REUTERS/Heino Kalis

Por Alan Baldwin

VALÊNCIA, Espanha (Reuters) - O campeão mundial de Fórmula Um, Sebastian Vettel, da Red Bull, venceu o Grande Prêmio da Europa num verdadeiro passeio sob o sol espanhol no domingo e conquistou sua sexta vitória em oito corridas nesta temporada.

Recebendo a bandeira quadriculada 10,8 segundos à frente de Fernando Alonso, da Ferrari, que ao menos deu à torcida algo para se animar, o alemão de 23 anos dominou a prova desde a pole até o final.

“Este foi o melhor até agora,” gritou ele ao rádio da equipe após cruzar a linha de chegada, mesmo que milhões de espectadores discordem depois de uma tarde com menos emoções do que em uma única volta no GP do Canadá, duas semanas atrás.

Vettel está 77 pontos à frente de Jenson Button, da McLaren, e de seu próprio companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, que terminou em terceiro, 27,2 segundos atrás do líder do campeonato.

A 16a vitória da carreira do alemão o iguala ao britânico Stirling Moss na lista de vencedores de todos os tempos, e a vantagem construída o deixa com a certeza de liderar o campeonato até o final de agosto, mesmo que não marque um ponto sequer.

O jovem piloto perdeu apenas 14 pontos até agora na temporada, sendo vencido apenas duas vezes e terminando em segundo em ambas as ocasiões.

“Talvez olhando de fora, eu não sei o que estava acontecendo no GP, parecia uma corrida chata, mas eu gostei muito,” disse Vettel, que não foi ameaçado uma vez sequer durante o percurso de 57 voltas no circuito de rua da cidade portuária do Mediterrâneo.

“Por alguma razão eu gosto desta pista,” acrescentou o piloto que também ganhou de ponta a ponta no ano passado em Valência.

“Mesmo os que vêm aqui todos os anos e dizem: ‘pode ser complicado, porque esta pista não é 100 por cento feita por nós, sem córneres realmente rápidos’, ainda conseguimos arrumar tudo e não falhar neste fim de semana.”

Alonso disse que o pódio e a celebração com champanhe eram o alvo e ele conseguiu isso.

“Finalmente, com uma corrida normal, temos essa chance de estar no pódio para comemorar este fim de semana fantástico,” disse ele. “Acho que este é o melhor resultado que podemos conseguir agora para eles (os espectadores espanhóis).”

Lewis Hamilton, da McLaren, que bateu Vettel na China em abril, ficou fora do pódio depois de duas corridas controversas e terminou em quarto lugar, após largar em terceiro, mas perder posições para as duas Ferraris na primeira curva.

Felipe Massa, da Ferrari, foi o quinto, com Button, o vencedor do épico GP de Montreal, em sexto.

“O que vimos hoje foi o mais próximo do que eu estive por um tempo... então acho que estou ficando melhor,” disse Webber, que largou na segunda posição.

O alemão Nico Rosberg da Mercedes foi o sétimo e o espanhol Jaime Alguersuari, da Toro Rosso, ficou uma volta atrás do vencedor.

Adrian Sutil terminou em nono para a Force India, com o colega alemão Nick Heidfeld conquistando o último ponto para a Renault em uma corrida sem uma única batida ou abandono.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below