Cielo é advertido por federação após ser flagrado em antidoping

sexta-feira, 1 de julho de 2011 17:22 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O nadador campeão olímpico e mundial Cesar Cielo apresentou teste antidoping positivo para a substância proibida furosemida, mas escapou de uma suspensão. Cielo e outros três nadadores foram apenas advertidos, informou a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) nesta sexta-feira.

A entidade considerou que "não foi identificada culpa ou negligência" dos atletas e que ficou "comprovado que não houve aumento dos seus desempenhos".

O teste positivo para furosemida, da classe dos diuréticos, foi realizado durante o Campeonato Brasileiro -- Troféu Maria Lenk de Natação -- em maio. Além de Cielo, Nicholas Santos, Henrique Barbosa e Vinícius Waked tiveram exame positivo para a substância. Os nadadores perderam os resultados obtidos na competição.

"Os quatro atletas declinaram do direito de realização da amostra B. Os referidos atletas definiram com precisão como o diurético entrou no organismo, restando comprovado que não houve aumento dos seus desempenhos, fato que não ocorreu nesta competição", disse a CBDA em seu site.

Cielo, recordista mundial dos 50m e 100m nado livre, afirmou em um comunicado que durante o painel realizado pela entidade brasileira foi comprovada a presença da substância por meio de contaminação cruzada durante a manipulação de um suplemento.

"Sempre fiz uso desse suplemento e nunca um controle feito anteriormente apresentou problema. Pela segurança que tenho na utilização desse suplemento, creio que este resultado tenha sido um fato isolado", disse o nadador. "Fato que nos ensina muito".

"Durante toda a minha carreira, sempre tive o maior cuidado com todo tipo de medicamento ingerido. Me considero um atleta exemplar neste aspecto", acrescentou ele.

Cielo foi campeão olímpico dos 50 metros livre e medalha de bronze nos 100m na Olimpíada de Pequim-2008. Um ano depois, o brasileiro de 24 anos levou as medalhas de ouro nas duas provas no Mundial de Roma.

(Por Tatiana Ramil)

 
Nadador brasileiro Cesar Cielo após disputar uma prova no Aberto de Paris. 25/06/2011 REUTERS/Stephane Mahe