Djokovic "mastiga grama" e sente o doce gosto do sucesso

domingo, 3 de julho de 2011 18:34 BRT
 

Por Pritha Sarkar

LONDRES (Reuters) - Bjorn Borg afundou em seus joelhos, Pat Cash escalou as arquibancadas para abraçar seus amigos e familiares na área dos jogadores e Novak Djokovic comemorou seu primeiro triunfo em Wimbledon mastigando a grama da quadra neste domingo.

Momentos após ver Rafael Nadal mandar um backhand longo demais, Djokovic caiu de costas enquanto 15 mil espectadores ficaram de pé para saudar o primeiro sérvio campeão de simples em Wimbledon.

A partir do minuto seguinte, as comemorações de Djokovic seguiram um padrão muitas vezes visto no mais famoso palco do tênis. Ele levantou os braços e testou os limites de seus pulmões com um longo rugido no canto da quadra.

Enquanto o presidente da Sérvia, Boris Tadic, saltava de seu assento e socava o ar, Djokovic se agachou e, numa cena nunca testemunhada em Wimbledon, arrancou um tufo de grama e colocou na boca, saboreando seu triunfo.

"Eu me senti como um animal. Eu queria saber que gosto tinha. Tem um gosto bom", sorriu Djokovic, que tem ganhado reputação por comemorações pouco usuais depois de raspar seu cabelo na quadra após o triunfo da Sérvia na Copa Davis em dezembro do ano passado.

"Veio espontaneamente, na verdade. Eu não planejei fazer isso. Você sabe, eu não sabia o que fazer com meu entusiasmo e alegria."

Djokovic acabou usando todos seus sentidos para aproveitar a vitória. Os fãs gritaram seu nome e ele pode ver e tocar a taça dourada Challenge Cup. Mas isso não foi suficiente para Djokovic, que também queria cheirar e sentir o gosto do "dia mais especial" de sua vida.

"É realmente difícil descrever isso em palavras. É o dia mais especial da minha vida", disse Djokovic, abraçando o troféu, após a vitória por 6-4, 6-1, 1-6 e 6-3 sobre o homem que será ultrapassado como número 1 do mundo na segunda-feira.

"Eu nasci para isso. É um sentimento incrível que eu jamais esquecerei. Este é o meu torneio favorito, o torneio que eu sempre sonhei em vencer. O primeiro torneio de tênis a que eu assisti na minha vida e acho que ainda estou dormindo e sonhando."