Presidente do conselho do Fenerbahce é preso na Turquia

domingo, 10 de julho de 2011 15:40 BRT
 

ISTAMBUL (Reuters) - Um tribunal de Istambul determinou no domingo a prisão do presidente do conselho do Fenerbahce, campeão do Campeonato Turco, para ser julgado sob acusações de manipulação de resultados, em uma investigação que pode retirar o título do time.

Aziz Yildirim está entre as 25 pessoas, incluindo três outros membros do conselho do Fenerbahce, que já estão sob custódia depois de ações policiais feitas na semana passada motivadas por evidências de manipulação em 19 partidas.

Confrontos aconteceram do lado de fora da corte no bairro de Besiktas quando policiais enfrentaram irados torcedores do Fenerbahce.

No lado asiático da cidade, protestos também aconteceram entre centenas de torcedores do Fenerbahce próximo ao estádio da equipe. O time venceu o título pela 18a vez, um recorde, na temporada passada.

Yildirim foi submetido a tratamento médico depois que os promotores pediram a sua prisão na sexta-feira, mas o seu interrogatório terminou no domingo, quando o tribunal decidiu pela sua prisão na penitenciária de Metris.

A polícia prendeu 61 pessoas no último fim de semana em ações motivadas por evidências de manipulação de resultados, mas 35 destes foram liberados.

O primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan, torcedor do Fenerbahce, disse que o escândalo mancha a imagem do país e pediu por uma investigação rápida e justa.

(Reportagem de Ece Toksabay)