Barcelona vai lutar até o fim por Fabregas, diz Guardiola

terça-feira, 19 de julho de 2011 14:42 BRT
 

BARCELONA (Reuters) - O Barcelona está disposto a lutar até o final para repatriar Cesc Fabregas, hoje capitão do Arsenal, disse o treinador do clube catalão, Pep Guardiola, na terça-feira.

Faz tempo que o Barcelona sonha em trazer de volta o meio-campista de 24 anos, que foi revelado nas categorias de base do clube e se transferiu para o Arsenal em 2003, aos 16 anos.

"Neste ano o Arsenal concordou negociar, e estamos trabalhando nisso", afirmou Guardiola em entrevista coletiva. "O Barcelona fez uma oferta, o Arsenal fez outra, e temos até 31 de agosto, e vamos tentar chegar a um acordo."

Segundo ele, "há uma quantia no cofre reservada para essa contração, mas se não der certo vamos mantê-la no cofre para outra coisa. Vamos lutar até o fim para tentar trazer Cesc, porque acreditamos que ele vai melhorar o time e o elenco."

Fabregas expôs a situação ao técnico do Arsenal, Arsene Wenger, ao voltar da pré-temporada, neste mês, e por causa de uma lesão não viajou com o resto do time inglês para uma excursão à Ásia.

Wenger tenta convencer o jogador que esta não é uma boa hora para deixar a Inglaterra, e que ele ainda tem muito a fazer pelo Arsenal.

Guardiola disse que, apesar do interesse por Fabregas, sua prioridade é contratar um atacante. Ao lado dele na coletiva, o diretor desportivo do Barça, Andoni Zubizarreta, disse que o clube catalão está prestes a concluir a aquisição do centroavante chileno Alexis Sánchez, da Udinese.

Zubizarreta revelou também que o atacante Bojan Krkic deve se transferir para a Roma, que contratou o técnico Luis Enrique, ex-comandante do time B do Barça, para a próxima temporada.

O dirigente, ex-goleiro do Barcelona e da seleção espanhola, disse que a contratação de Sánchez poderia ter sido selada já na semana passada. "Como num bom filme, às vezes parece que o final demora um pouco mais."

 
O capitão do Arsenal, Cesc Fabregas, durante a semi-final da Copa da Liga Inglesa contra o Ipswich Town, em Londres. 
O Barcelona está disposto a lutar até o final para repatriar Fabregas, segundo o treinador do clube catalão, Pep Guardiola, na terça-feira.
Foto de arquivo 25/01/2011 REUTERS/Eddie Keogh