July 24, 2011 / 5:02 PM / 6 years ago

Vettel mostra insatisfação com resultado no GP da Alemanha

3 Min, DE LEITURA

Por Mark Meadows

NURBURGRING, Alemanha (Reuters) - O líder da Fórmula 1 Sebastian Vettel exigiu saber por que a sua Red Bull não tinha o ritmo do carro companheiro de equipe Mark Webber neste domingo, quando o alemão fez uma corrida em casa para esquecer, mas com um pouco de sorte no fim.

O campeão do mundo, que havia vencido seis das nove corridas nesta temporada, terminou uma sequência de 11 pódios consecutivos, ao chegar em quarto lugar graças a um erro de pitstop da Ferrari para Felipe Massa, que caiu para quinto na última volta.

"Eu não me senti muito bem durante toda a semana, eu nunca cheguei ao ritmo que Mark tinha em seu carro", disse Vettel a repórteres enquanto fãs desapontados deixavam uma triste Nurburgring.

No Grande Prêmio da Inglaterra, há duas semanas, um raivoso Webber recebeu ordem de não ultrapassar Vettel, reforçando a visão de que o alemão é o número um da Red Bull, apesar de o piloto negar.

Mas a situação se inverteu em Nurburgring com a pole position Webber, que terminou o GP em terceiro lugar, enquanto Vettel ficou apenas na segunda fila do grid e acabou caindo uma posição, ao ser ultrapassado por Fernando Alonso.

Lewis Hamilton saltou para a vitória e provocou um ressurgimento da McLaren, enquanto Alonso da Ferrari, que venceu em Silverstone, ficou em segundo lugar. A diferença do líder Vettel para Webber agora é de 77 pontos, com nove corridas a serem disputadas a partir do GP da Hungria, no próximo domingo.

"Penso que o quarto lugar foi provavelmente o máximo que poderia conseguir hoje, o que não é satisfatório", disse Vettel.

"Precisamos trabalhar mais em nosso carro para voltar ao pódio, e talvez ao degrau mais alto novamente", disse ele, imaginando como seu domínio declinou tão rapidamente em apenas duas corridas.

"Temos de aceitar que hoje outros estavam mais rápidos do que nós e certamente não estou feliz, não estou satisfeito."

O único raio de luz em um dia sombrio para Vettel, que ainda é favorito absoluto ao título, foi quando ele entrou para o pitstop logo atrás de Massa e conseguiu sair antes do brasileiro após os mecânicos da Ferrari perderem uma porca da roda.

"Foi bom sair à frente de Felipe, foi bom ver a Ferrari ainda parada. Eu acho que nós dois estávamos no limite, no final da corrida", disse ele.

Hamilton assumiu que o fraco desempenho Vettel foi temporário. "Tenho certeza que ele vai se recuperar e ser muito rápido na próxima corrida", disse o inglês.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below