Técnico da Colômbia se desculpa após agredir mulher

segunda-feira, 8 de agosto de 2011 16:50 BRT
 

BOGOTÁ (Reuters) - O técnico da seleção colombiana de futebol, Hernán Darío Gómez, pediu desculpas nesta segunda-feira por ter agredido uma mulher que o xingou por seu desempenho à frente da equipe.

Testemunhas do incidente disseram à imprensa local que Gómez acertou dois golpes numa mulher aparentemente bêbada que o insultou na entrada de um bar na noite de sábado.

"Quero manifestar publicamente que lamento profundamente este fato e ter perdido o controle da forma que perdi", disse Gómez, de 55 anos, em comunicado.

"Quero oferecer desculpas públicas por meu comportamento. Em nenhum caso uma atitude como esta é aceitável, e menos ainda de uma pessoa como eu que em 26 anos de carreira profissional no futebol nunca havia enfrentado uma situação igual", acrescentou.

Gómez disse que sempre defendeu as mulheres, e que as admira e as respeita.

"Este ato me deixa envergonhado com minha mãe, minha esposa e com todas e cada uma das mulheres da minha família e do meu país", disse.

Gómez reassumiu a seleção da Colômbia em maio de 2010, após ter dirigido as seleções de Equador e Guatemala.

O principal objetivo do treinador é classificar a equipe para a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, após três Mundiais seguidos de ausência da Colômbia.

(Reportagem de Luis Jaime Acosta)