August 20, 2011 / 4:03 PM / 6 years ago

Nadal e Federer sofrem derrotas em Aberto de Cincinnati

4 Min, DE LEITURA

Por Simon Evans

MASON, Ohio (Reuters) - Rafael Nadal e Roger Federer, números dois e três do mundo, sofreram derrotas surpreendentes para adversários inspirados, numa jornada de disputas emocionantes de quartas de final do Aberto de Cincinnati.

Para o deleite da plateia, o norte-americano e especialista em piso duro Mardy Fish bateu Nadal pela primeira vez em parciais de 6-3 e 6-4, garantindo vaga na semifinal, na qual enfrentará o britânico Andy Murray.

Fish entrou no jogo com seis derrotas prévias para o espanhol, mas lutou duro contra Nadal, que perturbado por queimaduras nos dedos e bolhas nos pés, apanhou do saque do adversário.

Nadal deu uma vantagem a Fish no primeiro set com uma dupla falta no ponto de quebra, e o norte-americano seguiu adiante com a confiança renovada.

Sétimo cabeça de chave, Fish, que somou 12 aces, obteve a quebra decisiva para ir a 3-2 no segundo set quando Nadal mandou longe uma bola de devolução.

Depois de trocar o curativo no pé, Nadal encontrou energia extra, mas lutou em vão para devolver a quebra.

O serviço poderoso de Fish cumpriu seu trabalho no game final, quando ele sacou para fechar a partida sem deixar Nadal marcar um ponto.

Nadal, que queimou os dedos em um prato quente em um restaurante local no começo da semana, havia disputado uma partida de três horas e meia e três sets contra Fernando Verdasco na quinta-feira e manteve sua partida de duplas, mas disse que seu tênis simplesmente não estava no auge.

"Não joguei bem. Foi uma semana infeliz para mim, com os dedos queimados e a partida muito longa de ontem. Mas não há desculpa --a única desculpa é que ele jogou melhor do que eu", disse ele.

Fish, que perdeu de Nadal em Wimbledon, disse que esta partida foi diferente desde o início.

"Há uma diferença entre o sentimento de que você pode vencer ou mesmo deveria vencer em vez de torcer para vencer", declarou.

Federer

Já Federer desmoronou em 6-2 e 7-6 (7-3) diante do tcheco Tomas Berdych, que depois de derrotá-lo duas vezes no ano passado começa a se tornar um bicho-papão para o suíço.

Berdych irá encarar o número um do mundo, Novak Djokovic, que levou um susto do francês Gael Monfils antes de se recuperar e vencer em 3-6, 6-4 e 6-3, ampliando sua marca para 56 vitórias e uma derrota na temporada.

Federer, que havia vencido 24 de suas 26 partidas anteriores em Cincinnati, jamais chegou a reagir ao saque forte de Berdych e sofreu mais um revés na esteira de sua eliminação na terceira rodada de Montreal na semana passada.

O único senão para Berdych foi uma contusão no ombro que ele espera melhorar a tempo de sua disputa contra Murray.

"Espero estar bem. Vou dar meu melhor com minha equipe para deixar o ombro bom e estar cem por cento para a partida", disse.

Murray obteve uma vitória tranquila de 6-3 e 6-3 sobre o francês Gilles Simon em sua partida de quartas de final.

O escocês, que venceu as sete últimas disputas contra Simon, teve um rali com seu adversário no início da partida, mas assumiu o controle em seguida, mostrando a paciência necessária para lidar com a preferência do francês por longas trocas de bola.

Simon foi o único tenista fora do grupo dos oito melhores do ranking a chegar às quartas de final após uma vitória de três sets contra o espanhol David Ferrer na quinta-feira, em partida que durou mais de três horas.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below