Djokovic reencontra antigos rivais no Aberto dos EUA

quinta-feira, 25 de agosto de 2011 17:21 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Novak Djokovic poderá ter que vencer Roger Federer e Rafael Nadal -- seus dois maiores rivais -- para conquistar o título do Aberto dos EUA pela primeira vez na carreira e encerrar o ano como número um do mundo.

O sérvio já venceu o Aberto da Austrália e Wimbledon nesta temporada e é o principal favorito para o último torneio do Grand Slam de 2011, que será disputado nas quadras de Flushing Meadows, em NY, a partir de segunda-feira.

Mas uma lesão persistente no ombro que o obrigou a abandonar a final do Masters de Cincinnati no último fim de semana colocou em dúvida sua forma física, e Djokovic precisará estar completamente recuperado para superar os desafios impostos pelo sorteio desta quinta.

Djokovic vai estrear contra um qualifier ainda não definido, mas se os resultados acontecerem de acordo com o ranking, o primeiro cabeça-de-chave terá um último fim de semana muito exigente, com as semifinais e a final realizadas em dias seguidos.

Seu provável adversário na semifinal é o pentacampeão do Aberto dos EUA e terceiro pré-classificado Federer. O suíço, que terá o colombiano Santiago Giraldo na estreia, enfrentará na segunda rodada o vencedor do jogo entre o brasileiro Thomaz Bellucci e o israelense Dudi Sela.

Se Djokovic vencer o suíço maior vencedor de torneios do Grand Slam em todos os tempos, seu adversário na final será ou Nadal -- que o venceu a decisão do ano passado, ou o britânico em bom momento Andy Murray.

(Por Julian Linden)