Bolt incendeia os 100 metros rasos na Coreia

sábado, 27 de agosto de 2011 13:37 BRT
 

Por Nick Mulvenney

DAEGU, Coreia do Sul (Reuters) - Usain Bolt mostrou que as especulações sobre sua vulnerabilidade podem ser exageradas, ao fazer o tempo mais rápido na primeira rodada dos 100 metros rasos no campeonato mundial de atletismo, neste sábado.

O campeão olímpico e mundial venceu facilmente com o tempo de 10s10, claramente diminuindo o ritmo nos últimos 10 metros.

Depois de uma temporada de menor hegemonia do que as três anteriores, alguns ex-campeões e rivais ausentes sugeriram que Bolt poderia ser batido em Daegu.

O detentor do recorde mundial admitiu não estar em suas melhores condições, mas se isso tem afetado sua confiança, Bolt não demonstrou, ao repetir a pose clássica dos dedos apontados.

"Eu me sinto ótimo", disse aos repórteres o corredor de 25 anos de idade. "Fiz o que queria. Eu tive um grande começo e estou feliz com isso." Bolt descartou falar de sua vulnerabilidade.

"Eles vão sempre falar o que quiserem", acrescentou. "Estou focado no que quero, meu foco é ir lá e vencer e mostrar ao mundo que ainda sou o melhor."

A luta de Bolt para manter o título, conquistado com um tempo recorde mundial há dois anos em Berlim, tem sido facilitada pela ausência por lesão de seus principais adversários, o americano Tyson Gay e seu colega jamaicano Asafa Powell.

O jamaicano Steve Mullings e o americano Mike Rodgers, dois outros velocistas que correram melhor do que Bolt outras vezes neste ano, ficaram de fora do campeonato por problemas de doping.   Continuação...

 
O jamaicano Usain Bolt (centra) cruza a linha de chegada dos 100 metros rasos no campeonato mundial de atletismo. 27/08/2011 REUTERS/David Gray