Londres e Doha na disputa para sediar mundial de atletismo

domingo, 4 de setembro de 2011 11:35 BRT
 

Por Gene Cereja

Daegu, Coreia do Sul (Reuters) - Londres e Doha irão disputar quem sediará o Campeonato Mundial de Atletismo em 2017, disse Lamine Diack, presidente da Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) no domingo.

"Barcelona não é mais candidata", declarou o dirigente, em entrevista coletiva no último dia do Campeonato Mundial em Daegu. "Há apenas duas candidatas, Londres e Doha."

Barcelona tinha expressado interesse em sediar a competição, mas não apresentou uma oferta oficial, disse o porta-voz da IAAF, Nick Davies.

O Conselho da IAAF irá escolher entre Londres e Doha, na sua reunião de novembro, que acontecerá em Mônaco.

As chances de Londres dependem de a pista de atletismo ser mantida no Estádio Olímpico após os Jogos de 2012.

"Se não tiverem estádio, não têm chance", disse Diack à Reuters em entrevista no sábado.

A candidatura de Londres tem sido obscurecida por uma disputa envolvendo o Estádio Olímpico, com o clube de futebol Tottenham Hotspur requerendo uma revisão judicial sobre a decisão de deixar que outro clube, o West Ham, assuma as instalações após os Jogos do próximo ano.

O West Ham afirmou que iria manter a pista no estádio.   Continuação...