24 de Setembro de 2011 / às 20:04 / em 6 anos

Vettel: "Mansell e eu estamos em pólos opostos"

Por John O‘Brien

CINGAPURA (Reuters) - Sebastian Vettel assegurou sua 11a pole position da temporada no GP da Cingapura neste sábado, mas o alemão afasta a ideia de poder superar um recorde que foi estabelecido 19 anos atrás.

O piloto da Red Bull, que está prestes a se tornar o mais jovem bicampeão da Fórmula 1, precisa de mais três poles nas cinco corridas restantes para igualar o recorde de Nigel Mansell de 14 em 16 corridas, na temporada de 1992.

Apesar de quebrar numerosos recordes em sua brilhante carreira, Vettel estava mais preocupado com a corrida noturna no Marina Bay Circuit do que em alcançar o feito de Mansell.

“Eu acho que foi excepcional”, disse ele a repórteres a respeito do recorde do britânico na campanha do seu único título mundial. “Era 1992, Nigel teve um ano incrível.”

“Nós não estamos indo tão mal este ano, mas pode ser errado pensar sobre aquelas coisas. Temos uma longa corrida pela frente amanhã, é onde marcamos pontos e não no classificatório.”

”Isso mostra que cada corrida é mais um passo para nós. Vamos tentar focar o momento... Nós temos que continuar fazendo o que estamos fazendo e não é fácil fazer isso todo final de semana.

“Amanhã é a corrida e é onde o foco está. Eu ainda acredito que o recorde de Nigel é excepcional.”

Uma vez que Vettel teve uma pista limpa e um novo jogo de pneus super-macios em sua Red Bull, ele assegurou a pole e se manteve à frente do grid com 1min44s381, 0,351 segundo à frente do colega de equipe Mark Webber.

”A meta é sempre melhorar o carro durante a noite“, acrescentou. ”Obviamente, fiquei bastante feliz com o carro ontem, por isso não tinha necessidade de melhorar tanto assim.

”Nós demos alguns pequenos passos à frente, nada grande, mas o suficiente para o que precisávamos. No fim de tudo, eu fiquei muito feliz com os dois tipos de pneu.

“Estou razoavelmente confiante para amanhã, apesar de ser uma longa corrida. Não é apenas sobre velocidade, mas também controle e gerenciamento de pneus.”

A exigente corrida noturna no circuito de rua é o pólo oposto do que os pilotos encararam na última corrida em Monza e Vettel sabe que o carro com melhor tempo no grid é o favorito a vencer no domingo.

“É um circuito com muitas curvas... 23, quando na última corrida tivemos apenas 11. É uma volta longa e a velocidade é bem mais baixa do que você espera em um circuito de rua”, acrescentou.

“É um desafio para juntar tudo, tentando conseguir o melhor do carro com os pneus em cada curva. Há muito o que pensar e você pilota o carro no limite. É por isso que a satisfação que você tem é enorme quando cruza a linha de chegada e sabe que foi uma boa volta.”

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below