Schumacher bate e abandona GP de Cingapura de Fórmula 1

domingo, 25 de setembro de 2011 11:22 BRT
 

Por Ossian Shine

CINGAPURA (Reuters) - O Grande Prêmio de Cingapura de Fórmula 1 terminou mais cedo para Michael Schumacher neste domingo, quando o heptacampeão bateu forte na 30a volta.

O alemão da Mercedes tocou a traseira da Sauber de Sergio Perez entre as curvas sete e oito do iluminado circuito de rua, e o carro bateu nas barreiras.

"Eu estava pronto para passar por dentro... e no momento em que eu ia por dentro ele tirou o pé do acelerador e se preparou para frear e eu não consegui me antecipar tanto. Então foi uma vergonha", disse Schumacher aos repórteres.

O safety car entrou na pista, com o campeão mundial Sebastian Vettel liderando com a Red Bull, enquanto os fiscais limpavam os detritos na pista.

O novato mexicano Perez vinha lutando com o colega de equipe de Schumacher, Nico Rosberg, pelo sétimo lugar quando a dupla se emaranhou e permitiu que Schumacher se aproximasse.

O alemão de 42 anos saiu ileso e rapidamente saltou do seu carro antes de voltar aos boxes.