Kaká é chamado para amistosos contra Gabão e Egito

quinta-feira, 27 de outubro de 2011 14:07 BRST
 

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O meia Kaká voltou a ser convocado para a seleção brasileira nesta quinta-feira, quando o técnico Mano Menezes chamou 23 jogadores que atuam apenas na Europa para os amistosos contra as seleções de Gabão e Egito, em novembro.

O jogador do Real Madrid, que nesta temporada tem voltado a se destacar depois de um período em que sofreu com uma cirurgia e lesões, não atua na seleção brasileira desde a fracassada campanha na Copa do Mundo da África do Sul em 2010.

A volta de Kaká após quase um ano e meio longe ocorre num momento em que o Brasil teve que abrir mão de jogadores que atuam no país e servirá para dar um toque de experiência e maturidade ao grupo, que conta com seis atletas com idade olímpica, segundo Mano.

"Sempre foi dito por mim que seu retorno depende da produtividade, de suas atuações, como vem acontecendo no Real Madrid. Estamos muito contentes com a volta dele", disse Mano Menezes em entrevista coletiva após o anúncio dos jogadores convocados.

A lista de Mano conta somente com jogadores que atuam fora do Brasil, para não prejudicar os times na reta final do Campeonato Brasileiro. O treinador deixou de fora estrelas como Ronaldinho Gaúcho e Neymar, nomes recorrentes nas últimas convocações.

Sem Ronaldinho, que voltou recentemente ao grupo para dar mais experiência à seleção, Mano transfere a missão nos próximos amistosos para Kaká.

"Penso no Kaká como o Ronaldinho Gaúcho. Precisamos de jogadores com essa trajetória na seleção, que possam compartilhar a responsabilidade com o grupo", disse o treinador.

"Agora ele está no nível que queremos que ele estivesse. Não significa que já fez o bastante, mas você tem mais confiança que ele pode produzir cada vez mais em alto nível", afirmou Mano, que aceitou um pedido dos clubes brasileiros à CBF para que não fossem convocados jogadores para os próximos amistosos.   Continuação...