Sinos e eventos culturais marcarão abertura dos Jogos de Londres

sexta-feira, 4 de novembro de 2011 16:18 BRST
 

Por Mike Collett-White

LONDRES (Reuters) - Os sinos soarão pela Grã-Bretanha na manhã de 27 de julho para marcar a abertura da Olimpíada de 2012 em Londres, como parte da programação de eventos culturais ao longo de 12 semanas para celebrar as artes ao mesmo tempo em que os esportes.

Martin Creed, vencedor do Turner Prize com uma obra que consistia em luzes acendendo e apagando em uma sala vazia, criará a "Obra número 1197: Todos os sinos do país tocavam rapidamente e o mais alto possível por três minutos".

A obra pretende envolver milhares de membros da população tocando qualquer sino que tenham em mãos no dia de abertura da Olimpíada - dos maiores sinos das igrejas até os de bicicletas e os de escolas.

"É do povo e para o povo", disse Creed. "Na manhã da abertura dos Jogos, será um sinal massivo de que algo está acontecendo."

O conceito foi anunciado na sexta-feira no lançamento do Festival 2012 de Londres, um programa de 12 semanas de shows, exposições, filmes e apresentações pela Grã-Bretanha para coincidir com a Olimpíada.

O festival é o ápice da Olimpíada Cultural de quatro anos e ambos foram criados para apresentar o patrimônio artístico da Grã-Bretanha e impulsionar o turismo para além de 2012.

Os principais nomes do mundo da arte estarão envolvidos, incluindo o cantor Damon Albarn, o dramaturgo Alan Ayckbourn, a atriz australiana Cate Blanchett, o escritor norte-americano laureado pelo Nobel Toni Morrison e o artista Damien Hirst.

"Organizar as Olimpíadas no ano que vem é uma oportunidade enorme para mostrarmos ao mundo o país criativo que temos", disse Tony Hall, membro do conselho da Olimpíada Cultural.   Continuação...