Federação inglesa recorre de suspensão imposta a Rooney

sexta-feira, 4 de novembro de 2011 16:49 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A Associação de Futebol da Inglaterra (FA) decidiu recorrer da suspensão de três jogos imposta ao atacante Wayne Rooney pela Uefa depois de sua expulsão na partida contra Montenegro no mês passado, pela eliminatória da Euro 2012.

"A FA vai recorrer da suspensão de três jogos imposto a Wayne Rooney", disse um porta-voz da entidade na sexta-feira.

"Recebemos por escrito a razão (para a suspensão) da Uefa, na tarde de terça-feira. Tínhamos até a meia-noite de hoje para responder, e respondemos nesta noite."

Tal como está, a suspensão deixaria Rooney de fora dos três primeiros jogos do Campeonato Europeu do próximo ano.

O jogador do Manchester United já disse que não culpa ninguém, mas a si mesmo, por sua expulsão "estúpida", depois que ele chutou o defensor de Montenegro Miodrag Dzudovic durante a partida em Podgorica.

Rooney disse mais cedo nesta sexta que iria entender se o técnico da Inglaterra, Fabio Capello, o deixasse de fora do time para a Euro na Polônia e na Ucrânia.

"Foi estúpido da minha parte e me arrependi assim que eu fiz isso", disse o jogador, de 26 anos, à imprensa britânica. "É devastador para mim, mas é algo que é minha culpa, então não posso realmente reclamar."

"Não é desculpa, mas eu ainda sinto que a punição é um pouco dura. Estou decepcionado com ela... mesmo que seja reduzida em um jogo, será um bônus."

Rooney disse que não tinha ideia de por que ele agiu como agiu. A Inglaterra, que estava vencendo por 2 x 1 no momento da expulsão, acabou cedendo o empate em 2 x 2 com Montenegro, mas garantiu seu lugar na Eurocopa de 2012.   Continuação...