Djokovic é surpreendido pelo japonês Nishikori em Basiléia

sábado, 5 de novembro de 2011 17:46 BRST
 

Por Brian Homewood

BASEL (Reuters) - O número um do tênis mundial, Novak Djokovic, foi surpreendentemnte vencido pelo japonês Kei Nishikori nas semifinais do Aberto da Basiléia neste sábado, sofrendo uma lesão durante a partida.

O sérvio, voltando a ação nesta semana pela primeira vez desde o agravamento da lesão nas costas na série contra a Argentina pela Copa Davis em meados de setembro, enfrentou problemas nos ombros e perdeu pela quarta vez no circuito da ATP neste ano.

O adversário de Nishikori na final será Roger Federer, que continuou seu domínio sobre o compatriota suíço Stanislas Wawrinka com uma vitória por dois sets a zero na outra semifinal.

Nishikori irrompeu no set final enquanto Djokovic, que recebeu tratamento no ombro entre os games, perdeu força e o jogo terminou em 2-6, 7-6 e 6-0.

"Recuperar-me é o que importa agora", disse Djokovic, que deve jogar em Paris na próxima semana. "Não acho que nessas condições eu serei capaz de treinar nos próximos dias. Preciso ver o que a equipe acha".

Djokovic, atual campeão do Aberto da Austrália, de Wimbledon e do Aberto dos EUA, foi à quadra para sua primeira partida no torneio da Basiléria na última terça-feira usando uma máscara de Halloween, mas não estava para brincadeiras após a eliminação no sábado.

"É o tênis, às vezes você perde estas partidas. Tenho que dar crédito ao meu oponente, ele foi melhor que eu, mas eu não aproveitei minhas chances", disse Djokovic, que chegou às semifinais em todos os 13 torneios da ATP nos quais competiu este ano.

Na outra partida, o número dois do mundo Federer venceu por 7-6 e 6-2 para cravar mais uma vitória contra Wawrinka. Federer, jogando seu primeiro torneio desde o Aberto dos EUA, tenta seu segundo título na temporada após o do torenio de Doha em janeiro.

(Editada por Stephen Wood)