FIA confirma modificação nos nomes das equipes de F1

domingo, 6 de novembro de 2011 18:34 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A organização que cuida da Fórmula 1 concordou neste domingo com a mudança nos nomes de três das 12 equipes que vai acabar com a confusão com a Lotus e ver o final da marca Virgin.

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) disse em comunicado que, em 2012, a equipe Lotus vai se tornar Caterham F1, assim como o nome do chassis vai deixar de ser Lotus para se tornar o da fabricante de carros esportes de nicho.

O grupo patrocinado pela Lotus Renault vai continuar a ser conhecido como Lotus Renault GP, mas a designação do chassis vai mudar de Renault para Lotus.

A Virgin Racing vai assumir o nome do seu principal acionista russo e se chamar Marussia.

As mudanças foram acordadas em uma reunião da comissão de Fórmula 1, chefiada pelo principal executivo da modalidade Bernie Ecclestone, em Genebra na quinta-feira, e alguns detalhes foram divulgados pela imprensa.

A Fórmula 1 tinha duas equipes com motores Renault e apoio da Malásia usando o nome Lotus nesta temporada --a equipe Lotus do empreendedor da aviação Tony Fernandes e a Lotus Renault que não é mais de propriedade da fabricante de carros francesa.

A equipe Lotus entrou na Fórmula 1 como Lotus Racing na temporada passada, mas saiu com o grupo Lotus e a sua companhia mãe Proton.