November 9, 2011 / 5:54 PM / 6 years ago

Neymar acerta permanência no Santos até 2014

5 Min, DE LEITURA

O atacante Neymar mostra camisa do Santos nesta quarta-feira durante anúncio de sua permanência no clube até 2014.Santos FC/Divulgação

SÃO PAULO (Reuters) - O atacante Neymar anunciou nesta quarta-feira que permanecerá no Santos até 2014, ano da Copa do Mundo no país, após assinar um novo contrato para encerrar as especulações de transferência para a Europa e que faz dele um dos jogadores mais bem pagos do mundo.

"Estou muito feliz, é mais uma decisão que tomo na minha vida, uma decisão familiar", declarou Neymar em entrevista coletiva em Santos após receber do presidente do clube, Luís Alvaro de Oliveira Ribeiro, uma camisa com seu nome e o número 2014 nas costas.

"Houve sim interesse (de outros clubes), mas proposta concretizada o meu pai não deixou eu saber de nada. Sempre falei que queria ficar aqui", acrescentou.

Segundo o presidente do Santos, Neymar estava farto das especulações sobre seu futuro. "O Neymar cansou de ter sido vendido para Barcelona e Real Madrid nestes últimos meses", disse. "E a verdade é que ele ficará no Santos até 2014."

Neymar, que já é titular absoluto da seleção brasileira, receberá em torno de 3 milhões de reais (1,7 milhão de dólares) por mês, entre salários e patrocínios, segundo reportagens da mídia. O valor significa cerca de 20,4 milhões de dólares por ano, e está entre os maiores do futebol mundial.

O jogador britânico David Beckham lidera a lista de jogadores mais bem pagos do mundo em 2011, de acordo com ranking da revista Forbes, com 40 milhões de dólares por ano, seguido do português Cristiano Ronaldo, com 38 milhões de dólares anuais.

O jogador mais bem colocado do futebol brasileiro é Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo, em quinto lugar do mundo, com 24 milhões de dólares por ano.

Fase Espetacular

Neymar, campeão paulista e da Copa Libertadores este ano com o Santos, afirmou que o fato de estar passando por uma ótima fase pesou na escolha de permanecer no clube que o revelou.

"Ninguém sabe o dia de amanhã, e o momento que eu estou vivendo é maravilhoso", afirmou ele, sorrindo.

"É uma escolha que não foi muito difícil porque estou feliz aqui, jogo para uma torcida maravilhosa... e pela felicidade de ficar no meu Brasil, não tem país melhor", acrescentou o atacante, que é pai de um bebê de quase três meses.

"Espero poder continuar fazendo história."

As atuações destacadas, que levaram o Santos aos principais títulos da temporada até agora e à disputa do Mundial de Clubes, em dezembro, fizeram de Neymar um dos 23 finalistas ao prêmio Bola de Ouro da Fifa, que escolherá o melhor jogador do mundo. Os três finalistas serão conhecidos no dia 5 de dezembro e o vencedor será divulgado em cerimônia no dia 9 de janeiro.

Jogador rápido e driblador, Neymar costuma passar pelos adversários com facilidade, e alia essa característica a uma finalização certeira, o que fez dele um ídolo não só da torcida do Santos, mas de todos os torcedores de futebol.

"Mito"

Não é a primeira vez que Neymar rejeita ofertas do exterior. Em agosto do ano passado, ele decidiu seguir no Santos apesar de uma proposta milionária do Chelsea.

Na época, o time paulista renovou seu contrato até 2014 e estipulou uma multa rescisória de cerca de 45 milhões de euros, valor que foi aumentado agora com o novo contrato. O clube não quis divulgar o novo valor.

Este ano o atacante evoluiu e tornou-se peça-chave do Santos e da seleção brasileira. Embora tenha tido um desempenho discreto na Copa América de 2011, ele é um dos homens de confiança do técnico Mano Menezes e artilheiro da seleção sob comando dele, com oito gols.

De boné, Neymar vestia uma camisa preta com a frase em inglês "é bom ser o rei" na entrevista, mas quis deixar claro que "rei só tem um", referindo-se a Pelé. Para o presidente do Santos, o jovem atacante está no caminho para virar um mito.

"O Santos quer mostrar que as coisas podem ser diferentes. Não aceitamos mais a ideia de país subdesenvolvido, sempre à mercê do poder econômico. O Neymar fica para se consolidar como um ídolo. E mais. A partir de agora, vocês vão ser testemunhas do nascimento de um mito", disse.

O dirigente negou que o novo acordo de Neymar envolva o Banco do Brasil, como foi especulado na mídia, e disse que, com a popularidade do atacante, espera ver o Santos se transformar no time de maior torcida do país em 10 anos.

"Nós temos o direito de ver esse jogador desafiar as leis da física... de fazer a diferença que ele tem feito nos gramados", acrescentou.

Por Tatiana Ramil

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below