Blake se esforça mais, mas não vencerá nos 200m, diz Bolt

sábado, 12 de novembro de 2011 17:16 BRST
 

Por Justin Palmer

MÔNACO (Reuters) - Usain Bolt enviou uma mensagem clara a seu rival, amigo e companheiro de treinamento Yohan Blake nos preparativos para a Olimpíada de Londres - seu título nos 200 metros está fora de alcance.

Blake emergiu como uma ameaça séria ao domínio de seu compatriota jamaicano nas provas de velocidade ao conquistar o título dos 100 metros em Daegu em agosto, levando o ouro na final.

Menos de três semanas depois Blake, de 21 anos, chamou a atenção em Bruxelas, cravando 19seg26 nos 200 metros, segundo melhor tempo da história e pouco atrás do recorde de 19seg19 de Bolt, estabelecido em setembro de 2009.

Campeão olímpico dos 100 e 200m, Bolt disse ter se "recuperado do choque inicial" do desempenho de Blake.

"Inicialmente fiquei chocado, porque ele não é muito bom nas curvas... mas é um grande atleta, e de grandes atletas você pode esperar qualquer coisa," disse Bolt a um aglomerado de repórteres no hotel Monte Carlo neste sábado.

"Eu disse a Yohan, e a muitos amigos meus, que os 200m são meus favoritos e que não irei deixar Yohan me derrotar nisso," afirmou Bolt.

"Nos 100m talvez, mas trabalhei duro para me aperfeiçoar nessa prova (200m) ao longo dos anos, então já disse a ele que isso não irá acontecer."