Lesionado, Murray abandona ATP World Tour Finals

terça-feira, 22 de novembro de 2011 17:02 BRST
 

Por Martyn Herman

LONDRES (Reuters) - A melhor temporada da carreira de Andy Murray terminou em anti-clímax, nesta terça-feira, quando ele foi forçado a retirar-se do ATP World Tour Finals com uma lesão na virilha.

O tenista britânico foi derrotado por 6-4 e 7-5 em sua partida de abertura do Grupo A contra o espanhol David Ferrer no dia anterior. Depois do jogo, o número três do mundo revelou que tinha se lesionado na virilha enquanto treinava para o torneio que encerra a temporada com os oito melhores jogadores do mundo, na Arena O2 de Londres.

O escocês, de 24 anos, decidiu abandonar o torneio para não correr o risco de sofrer uma lesão maior.

"Era uma daquelas coisas que você tem esperança que vai melhorar, mas a realidade é que isso nunca ia acontecer", disse Murray a repórteres, com a aparência triste.

"Ontem eu estava realmente infeliz na quadra. Não estava gostando nada disso. Não consegui jogar nem de perto o meu melhor."

No lugar do britânico entrará no torneio o sérvio Janko Tipsarevic para os dois últimos jogos do grupo, contra Tomas Berdych, na quarta-feira, e o número um do mundo, Novak Djokovic, na sexta.

A lesão foi um golpe cruel para Murray, que chegou às semifinais dos quatro torneios do Grand Slam este ano e era o jogador em melhor forma no circuito masculino desde o Aberto dos EUA, ao lado do ex-número um do mundo Roger Federer.

Antes de sua surpreendente derrota para Ferrer em Londres, Murray estava sendo fortemente cotado para ganhar o ATP World Tour Finals.   Continuação...