Cansaço da Espanha dá esperança à Argentina na Copa Davis

terça-feira, 29 de novembro de 2011 19:14 BRST
 

(Reuters) - O cansaço dos tenistas espanhóis pode ajudar uma bem preparada equipe argentina a surpreender na final da Copa Davis, que começa na sexta-feira em Sevilha.

A Espanha, que ganhou a competição quatro vezes em 11 anos e que há 20 confrontos não perde em casa, disputará a decisão em quadra de saibro - seu piso favorito - e com o apoio de sua animada torcida.

No entanto, seus melhores jogadores, Rafael Nadal e David Ferrer, chegam cansados à disputa. Nadal e Federer, números dois e cinco do ranking mundial, respectivamente, competiram na semana passada no ATP World Tour de Londres, torneio que encerrou a temporada.

"Todos estamos fisicamente cansados, mas é uma final, de modo que é o último esforço", disse Ferrer em entrevista coletiva nesta terça-feira.

"Queremos conseguir esta vitória ... para nós isso é muito importante", acrescentou.

Enquanto Nadal e Ferrer competiam em Londres, a Argentina treinava nas quadras de saibro de Barcelona antes de viajar para Sevilha para completar sua preparação.

O número 11 do mundo, Juan Martín del Potro, e o pré-classificado 64, David Nalbandian, não jogam partidas competitivas desde outubro.

"Os jogadores tem feito um grandíssimo esforço nas últimas três semanas", afirmou Modesto "Tito" Vázquez, capitão da Argentina. "Estão se sacrificando e se dedicando de corpo e alma. Estou muito orgulhoso deles."

O capitão da Espanha, Albert Costa, elogiou os argentinos.

"Talvez sejamos favoritos, mas temos que demonstrar em quadra", disse ele. "A Argentina é uma equipe muito forte e joga muito bem a Copa Davis, vai ser difícil."

(Por Mark Elkington; com reportagem adicional de Damián Pérez, em Buenos Aires)